Como todos já devem saber, o terror voltou a assolar os EUA através de um ataque a civis, na cidade de Buffalo. A Twitch junto a Discord apresentaram declarações oficiais sobre o massacre em Buffalo, Nova Iorque, Estados Unidos, que correu neste fim de semana e esta sobre investigações, mas já é tratado como um ataque racial.

No ataque, infelizmente 10 pessoas perderam suas vidas e 3 outras ficaram feridas, quase todas elas afro-americanos baleadas por um homem branco de 18 anos, que transmitiu o ataque via Twitch e o planeou num servidor privado do Discord.

A Twitch declarou oficialmente a rede de notícias CNN que identificou e removeu a transmissão em menos de dois minutos, entretanto o trágico evento foi sim transmitido:

A Twitch não tolera violência de qualquer espécie e trabalha rapidamente para reagir a todos os incidentes,” disse a Twitch ao New York Times.

O utilizador foi suspenso do nosso serviço e estamos a tomar as ações adequadas, incluindo monitorizar quaisquer contas que possam transmitir novamente este conteúdo.

Já o A Discord está investigando as mensagens do responsável pelo ataque, que dias antes escreveu com riqueza de detalhes sobre o massacre que planeava executar:

Apresentamos as nossas maiores condolências às vítimas e às suas famílias e iremos fazer tudo que conseguirmos para ajudar as autoridades na investigação.

A Equipe do Games Ever se solidariza com os familiares de todas as vítimas.

Clássico do PS1 com troféus A principais notícias do dia 15 de maio