Continua após a publicidade..
DestaqueReview

Synthetic Lover | REVIEW

Continua após a publicidade..

O gênero Visual Novel tem representantes focados nos mais variáveis temas, abordando tanto temas fantasiosos como os do cotidiano, mas próximo da realidade, abordando temas complexos, como politica, comportamento, ética e claro, os temas fantasiosos. Entretanto, um tema que vem ganhando cada vez mais destaque, são os temas que abordam relacionamentos afetivos e íntimos. Synthetic Lover transita por alguns desses temas da maneira bem sublime, confira abaixo nossa review e saiba um pouco mais.

  • Jogo: Synthetic Lover
  • Plataformas: PS4, PS5, Switch
  • Desenvolvedor: HeartCoreDev, Male Doll Publishing
  • Publicadora: eastasiasoft,
  • Lançamento: 22 de dezembro 2023

Nossa história começa ano de 2066, humanoides biologicamente projetados compõem uma grande porcentagem da força de trabalho. Nosso protagonista é um desses humanoides e, como o resto de seus colegas, vive para servir a um único propósito, para cumprir sua vocação pré-programada. No caso dele, isso significa trabalhar em um centro de entretenimento adulto conhecido como Dollhouse. Synthetic Lover é uma visual novel de ficção científica sobre um indivíduo que descobre os desafios de ser humano. Durante sua jornada, ele navega pelos altos e baixos de uma vida imperfeita enquanto tenta evitar conflitos com uma organização poderosa, aprendendo a entender as emoções, formar amizades e encontrar possivelmente o amor real. Faça escolhas críticas enquanto navega pelo diálogo com um elenco único de personagens.

Synthetic Lover – Foto Divulgação

Uma coisa que precisamos esclarecer antes de continuar, é que estamos diante de um game que ignora para rótulos ou preconceitos relacionados a identidade, ou comportamento sexual/social, o jogo é aberto e foca em experiências mais abertas de relacionamentos. Isso fica bem claro logo no início da aventura. Temos dois enredos, bem como de romance, e apenas, sendo que apenas a introdução é a mesma para ambos os casos. Podemos escolher entre dois personagens, que vão se relacionar durante o jogo, criando interações que vão crescendo gradativamente em um ambiente de descoberta e romance. Nossa aventura pode culminar em diversos finais que giram em torno da alegria e da tristeza, focando na ideia de que o relacionamento deu certo ou não. Algo inerente a qualquer direção que você siga no jogo, é a evolução dos diálogos, que foram muito bem escolhidos, pois ainda que mesclem temas eróticos, continuam divertidos e envolventes. Confesso que em alguns momentos achei um pouco massante, pois passamos um bom tempo acompanhando os diálogos, sem poder interagir com escolhas, por exemplo.

O jogo conta com legendas em português, ajudando muito no entendimento da história, principalmente na hora de fazermos as escolhas, que geralmente envolvem duas questões. Come mencionei, alguns diálogos são bem longos, para ajudar nessa questão, temos alguma opções para os diálogos, podendo acelerar um pouco, pular automaticamente ou deixar o jogo na versão automática, onde apenas precisamos escolher as opções quando aparecem na tela. Os controles são básicos como em quase todos jogos do gêneros, apenas selecionamos a opção e confirmamos. Vale ressaltar alguns erros de tradução, mas nada que estrague a experiência no jogo, e deve passar desapercebido pelos jogadores mais casuais.

Synthetic Lover – Foto Divulgação

Graficamente falando, o jogo aposta em personagens mais sérios, mas com uma diversidade de cores e vestes bem extravagantes. O jogo também aposta em personagens eróticos, não são poucas às vezes que veremos personagens sem camisa ou com roupas íntimas, tudo para criar um clima de romance e sedução. O jogo é curto, com uma duração de cerca de 5 horas, principalmente se você acompanhar os diálogos e cenas. A trilha sonora é bastante discreta, ficando em segundo plano durante todo o jogo, isso quando não estamos em ambiente onde podemos apenas ouvir os personagens conversando. Resumindo, a música funciona como as usadas em filmes de entretenimento adulto, elas estão lá, mas não devem ser percebidas.

O jogo conta com um sistema de conquista que visa premiar o jogador conforme ele vai jogando, a verdade é que esse tipo de jogo, onde apenas as escolhas fazem parte da interação. É um prato-cheio para que gosta de conquistas rápidas, são apenas 15 troféus, todos relacionados a escolhas e finais do jogo. A única dificuldade em conseguir todos os troféus, é ter de fazer of finais de cada romance.

Continua após a publicidade..
Synthetic Lover – Foto Divulgação

Synthetic Lover — Vale a Pena?

Se os jogos do gênero Visual Novel são voltados para um nicho muito específico de jogadores, imagine um game Visual Novel com temas relacionados ao universo LGBTQIA+, é o nicho do nicho. De qualquer forma, esses temas vem sendo cada vez mais abordados na realidade, e nos games não seria diferente. O jogo tenta fisgar o jogador com uma boa história, mas é voltado para o seu público, muito disso devido a sua abordagem visual, já que na narrativa, temos um game muito interessante.

Synthetic Lover é uma história de romance com algumas pitadas de erotismo, com uma boa história e uma crítica ao futuro, tudo isso em um ambiente LGBTQIA+. Se você gosta de Visual Novels, vai se divertir, para quem ainda não se rendeu ao gênero, fica a dica para conhecer o jogo.

Synthetic Lover foi avaliado mediante uma cópia gentilmente cedida pela Eastasiasoft – Agradecemos a cordialidade!

Synthetic Lover | REVIEW

Gráficos - 7.5
Jogabilidade - 7
Diversão - 7.5
Som - 7
Dificuldade - 7
Fator Replay - 6.5

7.1

Bom

User Rating: Be the first one !

Marcelo Souza

Apaixonado por jogos e consoles desde 1990. Quando não esta escrevendo em algum site de games, esta jogando ou ensinando o Felipe a jogar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial