Está com alguma dificuldade em Elden Ring? Então acompanhe a parte 6 do detonado completo passo-a-passo de Elden Ring exclusivo aqui da Games Ever! Lembrando que também serve como um guia de platina tanto para troféus do Playstation quanto conquistas do Xbox / Steam!

Essa é a continuação do nosso detonado do game, que começou aqui.

Elden Ring Detonado Parte 2

Sem mais delongas, vamos continuar o detonado:

Na quinta parte do nosso detonado, exploramos a Academia de Raya Lucaria e derrotamos nosso segundo grande lorde, a Rennala, Rainha da Lua Cheia! De volta a Liurnia dos Lagos, chegou a hora de explorarmos os perigos escondidos na parte norte, e acredite, serão muitos!

Agora, volte para a Margem Norte do Lago de Liurnia. Um pouco ao norte, pela estrada, encontrará as Ruínas do Território Real. O local parece vazio, mas não se deixe enganar. Há vários lobos e feiticeiros pela área. e ainda encontrará armadilhas escondidas no chão. Tome cuidado, e, quando ver um brilho azul, saia correndo. Na parte mais ao leste, encontrará um corpo contendo Vagalume Pedrilhante. Bem ao norte desse corpo, olhe para o chão e verá uma formação estranha. Esse chão é falso. Pule e dê um golpe forte no ar para atingir o chão e revelar a escada que desce ao subterrâneo. Desça a escada e verá aquilo que não queríamos ver: uma névoa amarela.

O inimigo da vez será o Espectro Real. Já o encontrou antes, e o encontrará ainda diversas vezes no decorrer do game. Eu o considero fraco para um chefe, comparado com os demais, ainda mais no nosso nível atual. Ele é apenas rápido, e bate forte. Terá um espaço bom aqui na sala, e invocar o Torrente é permitido aqui! Monte no Torrente e invoque um fantasma para distrair o espectro. Cavalgue pela sala para longe do espectro, enquanto lança feitiços nele. Ele é fraco contra magias, e perceba que causará um dano bem grande nele com feitiços. Continue e logo ele será derrotado. Ele não deixará itens, porém, abra a porta e pegue a Arma: Agulha Congelada no baú.

Saia do subterrâneo. Na parte mais oeste das ruínas, há uma salinha com Broto de Cristal com Orvalho. Daqui, siga para o norte, e verá um beco sem saída. Mas não realmente! Após matar os feiticeiros na área, golpeie a parede norte das ruínas e irá descobrir uma passagem secreta! Passe e verá um local de graça.

Estrada para a Mansão

Ative o Local de Graça: Estrada para a Mansão. Veja o gigante sentado ao seu lado. Ele é amigável, fale com ele. Ele é o Mestre Ferreiro Iji, que trabalhou por anos para a realeza cariana e, depois que a realeza cariana se foi, agora fica aqui prestando serviços. Você pode fortalecer armas com ele, e pode também comprar algumas Pedras de Forja Sombrias, de nível 1 a 4, que ele vende. Mas só compre se precisar muito, o preço pode ser meio salgado. Converse com ele um pouco, e diga que o Blaidd te enviou ali. Ele então passará a ter mais um item à venda, o Talismã: Brasão de Filigrana Cariano, que diminui o custo de mana de habilidades. Ele também nos avisará de uma armadilha que protege a mansão da realeza. Continue seguindo a estrada ao norte, e logo verá que armadilha é essa. Quando ver uma sequência de raios mágicos vir em sua direção, saia imediatamente de seu caminho. Essa é a armadilha que protege a mansão, e será constante. Terá de ir fazendo zigue-zague, de preferência montado no Torrente, para desviar desses raios. Em vez de seguir a estrada, vá primeiro para o canto noroeste do local e encontrará uma série de tumbas abertas. Elas são protegidas por ratos, sendo um deles um rato gigante, mate-os e pegue Runas Douradas pelo local. Agora volte para a estrada e cavalgue desviando dos raios até a entrada da mansão. Verá um local de graça, onde estará seguro dos raios.

Portão Principal da Mansão de Caria

Ative o Local de Graça: Portão Principal da Mansão de Caria. Antes de entrar na mansão em si, primeiro siga para o leste, até a parte em que tem uma grande poça de água. Preste atenção, e verá um brilho andando na água. Trata-se de um daqueles escaravelhos invisíveis. Espere ele passar por você e mate-o, para conseguir a Cinza da Guerra: Pisão da Geada. Essa habilidade é muito útil, e inclusive muito usada por speedrunners do game, por causa de seu poder e de seu alcance.

Agora volte à entrada da mansão e entre na Mansão de Caria. Estará no jardim externo. Siga em frente com cuidado, e logo conhecerá um novo e curioso inimigo: a mão aranha. Pois é, uma aranha em forma de uma mão enorme, que adora agarrar e ainda por cima conhece feitiços. Tome cuidado com ela e use magias contra elas, enquanto mantém distância. Há várias delas aqui, tome cuidado também para não ficar cercado. Seguindo reto pelo caminho, pegue Pedra de Forja perto da fonte. Volte para a entrada do local e siga para o leste, para encontrar um Broto de Cristal com Orvalho no corpo. Suba a escadinha e entre na porta aberta. Mate o inimigo no local e pegue o Livro de Receitas: Artesão de Pedrilhante. Saia e suba a escada ao lado, tomando cuidado com os feiticeiros e com as armadilhas. Na bifurcação, siga para o norte, e ao final do local, pegue a Pedra de Forja Sombria. Volte para a bifurcação, siga para oeste e vire à direita. Antes de passar pela rachadura no muro, mate as mãos aranhas lá embaixo, daqui de cima, usando magias. Desça, vire à esquerda e pegue o Broto de Cristal com Orvalho. Dê meia-volta e olhe para o norte. Verá um escaravelho, mate-o e conseguirá o Feitiço: Perfurador Cariano.

Volte para a entrada do local mais uma vez, e siga para o oeste da estrada, desta vez. Verá um Broto de Cristal com Orvalho em um corpo, mas preste atenção, e verá as unhas da mão aranha saindo da terra. Ela estará pronta para agarrá-lo, então ataque primeiro e não seja surpreendido. Há mais mãos aranhas escondidas debaixo da terra nesse quintal, mas sempre poderá ver suas unhas saindo da terra, preste atenção. Algumas mãos aranhas também estarão penduradas em paredes no alto, prontas para serem derrubadas com magia. A noroeste do último item, depois de passar por baixo do arco, pegue Vagalume Pedrilhante perto dos cristais. Olhando ao norte, já verá mais um item, vá e pegue o Broto de Cristal com Orvalho no corpo.

Agora, volte para a fonte no meio do jardim. Olhe na direção norte, e primeiro mate a mão aranha que está na parede bem no alto, depois pegue a Runa Dourada no corpo. Ao leste daqui há uma porta, mas estará trancada pelo outro lado. Continue seguindo por esse caminho para o norte e então para o oeste. Continue seguindo pelo caminho, passando por mais mãos aranha, e chegará a uma porta aberta. Fale com o fantasma, suba a escada e logo verá um local de graça.

Nível Inferior da Mansão

Ative o Local de Graça: Nível Inferior da Mansão. Pegue a Pedra de Forja no altar no local e depois saia pela porta. Siga em frente por cima dos arcos, e enfrentará soldados fantasma. Também fique atento às mãos aranha que aparecem pelas paredes. Siga em frente e verá uma bifurcação. Siga primeiro ao norte, e vá indo por esse caminho matando os soldados fantasma. Ao final do caminho, pegue o Arco de Runa e então aparecerão vários soldados fantasma pelo caminho de volta. Mas não volte todo o caminho! Ao voltar pela ponte anterior, olhe à direita, e verá um teto mais abaixo do qual pode pular. Pule para o teto abaixo. Continue e desça no outro teto ainda mais abaixo. Desça a escada vertical no local e então abra o baú para conseguir uma das armas mais fortes desse começo de jogo: a Arma: Espada da Noite e da Chama. Essa arma era tão forte que as atualizações mais recentes do jogo precisaram diminuir seu poder exagerado. Ela ainda é forte, o problema é que ela exige 24 pontos de Fé, um atributo que não fortalecemos no decorrer da nossa jogatina. Mas eu vou indicar como a gente pode conseguir isso em breve, vamos seguir. Depois de pegar o item, você pode abrir a porta ao lado para voltar ao jardim da mansão, lá perto da fonte. Mas use fast travel para voltar ao Nível Inferior da Mansão.

Volte para a bifurcação sobre os arcos dos muros da mansão e siga para leste desta vez. Será emboscado por vários soldados fantasma, eu aconselho a ir correndo para cima dos besteiros fantasma primeiro, antes de encarar os outros. Chegando ao final do caminho, suba a escada e depois suba o elevador.

Nível Superior da Mansão

Siga e ative o Local de Graça: Nível Superior da Mansão. Antes de seguir em frente, desça novamente pelo elevador pelo qual veio. Desça os dois lances de escada, olhe para a esquerda e verá uma plataforma de madeira mais abaixo. Caia lá e então pule para a outra plataforma de madeira mais abaixo e ao leste. Pegue o Broto de Cristal com Orvalho no corpo ao lado. Há dois caminhos aqui, esquerda e direita. Vá para a esquerda primeiro. Desça a escada e pegue a Runa Dourada embaixo da escada. Volte e siga para o lado oposto. Mate as mãos aranhas ao leste e pegue a Arma: Urumi no corpo. Siga a sudoeste e encontrará uma donzela sequestradora no caminho. Mate-a e vá para a plataforma de madeira no final, e então pule para a torre em frente e pegue a Pedra de Forja Sombria no corpo.

Agora volte ao local de graça e saia para o jardim superior da mansão. Há lobos aqui, mas eles são bem mais fortes do que os lobos convencionais, use magias à distância. A oeste daqui, verá uma árvore dourada contendo a Semente Dourada #13. Só mais três e poderemos aumentar a quantidade de frascos! Agora vá para o norte, mas sem subir a escada. Mate o lobo e pegue Broto de Cristal com Orvalho no corpo. Volte e suba a escada, e verá uma cena nada animadora mais adiante. Há diversos inimigos te esperando na escadaria, não suba. Vá para o sul e suba a escada vertical primeiro. Aqui em cima, mate o feiticeiro e pegue Sebo Mágico. Daqui, poderá matar um feiticeiro que está na escadaria com magia. Suba mais um lance de escadaria, e conseguirá acertar mais dois feiticeiros com magia. Tente matá-los sem chamar a atenção do troll, que será o seu maior problema. Invoque espíritos para te ajudar na luta, distraindo o troll, enquanto mantém uma distância curta do troll e o ataca de perto com magias. Lembre-se: é mais fácil desviar dos golpes dele de curta distância do que dos de longa distância. Subindo mais um lance de escadas, siga para a direita e pule na outra plataforma. Caia na plataforma mais abaixo para conseguir Pedra de Forja. Volte para a escadaria e continue subindo. Mate os pajens no caminho e pegue o Broto de Cristal com Orvalho na escada da esquerda. No alto da escadaria, pegue Runa Dourada. Agora entre na porta defronte, e verá um saguão imenso. Já deve imaginar o que te espera, não?

Observatório Real

A chefe da vez será Loretta, Cavaleira Real. A Loretta é relativamente fácil. Ela se move elegantemente pelo cenário, montada em seu cavalo, e usa golpes físicos e também feitiços de longe. Seus feitiços podem ser facilmente desviados, e seus golpes físicos podem ser facilmente defendidos com o escudo. É muito fácil prever seus movimentos, questão de prestar atenção em como ela se move e saber o que fazer em cada movimento. Eu recomendo a invocar os espíritos e ficar de longe apenas usando feitiços contra ela. Ela toma um bom dano de magia e não se move tão rápido, tomando quase todos os feitiços que soltar, mesmo os mais lentos. Com um espírito para a distrair, não terá que se preocupar muito em ser o alvo dos feitiços dela, então a vitória será apenas uma questão de tempo. Ao conseguir derrotá-la, receberá o Feitiço: Arco Grande de Loretta e a Cinza da Guerra: Corte de Loretta, e ainda irá liberar um troféu:

Loretta, Cavaleira Real

Esse troféu será liberado quando conseguir derrotar Loretta, a Cavaleira Real.

Ative o Local de Graça: Observatório Real. Observe o feitiço que você ganhou, ele é muito bom. Eu sempre o equipo, gosto de usá-lo em diversos momentos. Saia pela porta do qual veio (lado leste) e vire à direita. Saia pela portinha, e verá um parapeito quebrado. Se olhar para baixo, verá uma série de plataformas de madeira que descem até o chão. Mate os jarros vivos e o jarro vivo grande lá embaixo, e então pegue o Dardo de Cristal e o Pote Rachado. Olhe para baixo, no lado sul, e verá mais uma série de descidas. Continue descendo para as plataformas mais baixas, até uma plataforma em que há dois jarros vivos grandes e alguns jarros vivos. Nesse local, há uma Pedra de Forja ao fundo. Desça mais uma plataforma e então vá para o canto sudoeste. Se olhar para baixo, verá um trecho dos arcos de pedra mais abaixo, no qual poderá descer. Desça e pegue a Cinza da Guerra: Grandeza Cariana. Viemos até aqui só para pegar isso.

Volte para o local de graça Observatório Real, e desta vez saia pela porta noroeste. O território além da Mansão Caria se chama Três Irmãs.

Seguindo a estrada a sudoeste, logo verá um novo dragão, chamado Dragão Pedrilhante Adula. Esse dragão é resistente a ataques mágicos, então sua melhor investida contra ele são ataques físicos. Invoque espíritos para atrair a atenção dele. Espere ele pousar e vá até o lado dele e golpeie a barriga. Não mire na cabeça para não ficar vulnerável, e nem na cauda, pois ele possui um poderoso golpe com a cauda também. Muito cuidado com o golpe de fogo mágico dele. Após tirar metade da vida dele, ele irá embora, nos deixando explorar a região em paz.

Pois bem, abra o mapa e verá três torres no local, por isso o nome de Três Irmãs. Imediatamente a oeste da Mansão Caria fica a Torre Pedrilhante de Renna, ela estará bloqueada. Siga a estrada a sudoeste, vindo lá da Mansão Caria, e verá um momento em que ele se divide entre sul e oeste. Na bifurcação, siga para o sul e verá a Torre Pedrilhante de Seluvis, também bloqueada. De frente com a torre, olhe para a esquerda e verá um muro destruído. Suba no muro e vá pulando para a frente, para poder pegar a Máscara de Lobo Preto mais adiante. Volte para a bifurcação e siga para o oeste. Olhando para a direita, verá algumas ruínas. Explore as ruínas mais ao leste e encontrará um escaravelho, mate-o e conseguirá a Cinza da Guerra: Névoa Refrigeradora. Vá seguindo a ruína para oeste, e suba uma série de escadas. A oeste da escada, golpeie o chão (ou role) para revelar um chão falso que contém uma entrada subterrânea. Se descer essa escada, encontrará um laboratório subterrâneo repleto de bonecas, pessoas aparentemente paralisadas, como se estivessem sendo usadas em experimentos macabros. Não há itens aqui, mas descobrir esse laboratório macabro será necessário para avançar uma sidequest futura. Saindo do subterrâneo, continue o caminho a leste e encontrará a Torre Pedrilhante de Ranni. Esta estará aberta! Mate os lobos perto da entrada e entre.

Torre Pedrilhante de Ranni

Siga em frente e vá subindo a torre, ativando o Local de Graça: Torre Pedrilhante de Ranni pelo caminho. Continue subindo as escadas e suba o elevador ao final. Continue subindo até o alto da torre, e fale com a Bruxa Renna. Essa é aquela bela garota azul de quatro braços que nos deu o Torrente e também nos deu o Sino Chamador de Aparição, lá em Limgrave, no começo do jogo. Ela pergunta o que viemos fazer aqui. Responda que não temos um motivo em particular, e ela dirá seu verdadeiro nome: Bruxa Ranni. Renna era só um pseudônimo. Ela perguntará se não queremos servir a ela, e a seu plano estranho de destruir e reconstruir o mundo. Aceite servir a Ranni. Isso será necessário para a platina, pois a Ranni nos dará uma série de sidequests bem longas e complexas, que terão que ser feitas em várias partes e em várias localizações do jogo. Completar essas sidequests é imprescindível, pois libera um final secreto do game, o qual teremos que assistir. Após aceitar, continue falando com ela, e ela pedirá nossa ajuda para reaver um item que está perdido lá em Nokron, a Cidade Eterna. Ela quer que falemos com Blaidd, o homem lobo que já conhecemos, com o Mestre Ferreiro Iji, que conhecemos há pouco tempo, e Seluvis, um poderoso feiticeiro que não conhecemos ainda. Desça o elevador e fale com Iji. Desça mais escadas e fale com Blaidd, depois com Seluvis, que estará perto da entrada. Agora, suba ao topo novamente e fale com a Ranni. ela diz que o corpo atual dela é só uma boneca que ela controla, e irá dormir.

Agora, vá até a Torre Pedrilhante de Seluvis e fale com Seluvis. Ele terá a sua própria linha de sidequests, que irá de encontro com a linha de sidequest de Ranni! Se completar na íntegra as sidequests de Seluvis, irá falhar as de Ranni, e isso irá te impedir de pegar alguns troféus! Não há troféus vinculados às sidequests de Seluvis, mas poderemos cumprir alguns de seus primeiros pedidos sem muitos problemas, contanto que saiba o que está fazendo e onde parar. De início, ele pedirá que entreguemos a Poção de Seluvis para a Nepheli Loux, lá na Mesa Redonda. Não faça isso, essa poção é uma armadilha! O laboratório subterrâneo que viu anteriormente, repleto de bonecas e pessoas paralisadas, pertence a Seluvis, e essa poção é o modo como ele transforma essas pessoas em marionetes! Não queremos fazer mal para a Nepheli Loux, e nem precisamos. Eu te explicarei o que fazer com essa poção futuramente. Antes, suba a escada vertical até o topo, e então suba até o topo da torre. Pegue a Pedra de Memória #6 no baú. Agora, poderemos carregar até 8 feitiços conosco! Do lado de fora da Torre Pedrilhante de Seluvis, siga para o norte acompanhando o precipício à direita e logo verá uma descida que segue para um teto de uma torre mais abaixo. Continue descendo pelas plataformas de madeira até chegar a mais um teto baixo em que tem uma escada vertical. Antes de descer a escada vertical, suba no telhado azul e pegue a Presa Antiga no corpo. Volte e desça a escada vertical. Pegue o Fígado Desidratado à Prova de Feitiços no canto e fale com Pidia, um antigo servo da realeza e atual mercador de produtos raros, curiosos e úteis para algumas situações. Os itens mais úteis que ele vende são o Livro de Receitas: Artesão de Pedrilhante e a Cinza da Guerra: Retaliação Cariana, mas ele vende também um Pote Cerimonial, Orvalho Celestial (apenas necessário se quiser se redimir de um pecado), uma Lágrima Larval (apenas usado se quiser redistribuir atributos com a Rennala) e outros itens raros mas não tão úteis. Se você não tiver uma Lágrima Larval (no decorrer do meu guia conseguimos pelo menos uma), compre essa com ele, pois iremos usar uma agora.

A essa altura, você já deve estar no nível 60, ou pelo menos perto disso. Agora, volte para a Grande Biblioteca de Raya Lucaria e fale com a Rennala. Escolha a opção Renascimento. Iremos redistribuir nossos atributos de modo a podermos utilizar a poderosa Espada da Noite e da Chama. Você voltará ao estado original de início do jogo, conforme a sua classe original, e terá que recolocar os pontos onde quiser. A ideia é alcançar os requisitos mínimos da Espada da Noite e da Chama, mas fazendo uso também de itens que aumentem nossos atributos, como o Selo da Cicatriz de Radagon, a Herança de Dois Dedos e a Coroa Pedrilhante de Sábio Gêmeo.

Vou levar em consideração que você estava pelo menos no nível 60, conforme recomendado, e tem portanto 54 pontos para serem distribuídos, pois o Astrólogo inicia no nível 6. Eu recomendo que coloque 22 pontos em Vitalidade, 21 pontos em Mente, 15 pontos em Fortitude, 9 pontos em Força, 12 pontos em Destreza (inicial), 32 pontos em Inteligência, 19 pontos em Fé e 9 pontos em Arcano (inicial). Essa é a configuração ideal básica para o nível 60. Se você estiver acima do nível 60, coloque os pontos sobressalentes em Inteligência. Ao completar o renascimento pela primeira vez, conseguirá ainda o Gesto: Enrolar-se.

Agora equipe, nos três espaços de talismã, os talismãs Selo da Cicatriz de Radagon, a Herança de Dois Dedos e o Amuleto de Arsenal. Na cabeça, equipe a Coroa Pedrilhante de Sábio Gêmeo. Com tudo equipado, deverá ficar com 25 pontos em Vitalidade, 21 pontos em Mente, 18 pontos em Fortitude, 12 pontos em Força, 15 pontos em Destreza, 38 pontos em Inteligência, 24 pontos em Fé e 9 pontos em Arcano. Com essa configuração, eu consigo equipar a Espada da Noite e da Chama, o Escudo de Cavaleiro Cariano, o conjunto de armadura do Cavaleiro Cariano sem ficar pesado, consigo usar meus feitiços preferidos com o cajado e ainda consigo usar alguns encantamentos básicos com o tanto de Fé que possuo. Há diversos encantamentos úteis que você pode utilizar, mas vai depender do seu estilo de jogo. Não recomendo tanto encantamentos ofensivos, como piromancias por exemplo, pois os nossos feitiços serão mais fortes. Encantamentos curativos são mais úteis. O que eu mais recomendo que equipe, sem sombra de dúvidas, é o encantamento Chama, Limpe-Me. Esse encantamento cura veneno e podridão escarlate ao custo de um pouquinho de mana, sendo extremamente útil para desbravar terrenos envenenados e enfrentar inimigos venenosos. Traga esse encantamento sempre com você! De resto, fica a seu critério. Para usar os encantamentos, precisará de um catalisador, então tenha com você o Selo da Marca de Garra e trate de fortalecê-lo o quanto puder, para deixar os encantamentos o mais forte possível.

A Espada da Noite e da Chama não é apenas forte, ela possui uma habilidade fenomenal de postura. Para usar os golpes de postura, empunhe a espada com as duas mãos (segure triângulo e aperte R1), e então segure L2. Estará na postura, e uma vez na postura, pressione R1 para soltar um poderoso raio de longa distância e R2 para soltar um poderoso golpe de fogo de curta distância em área. Logo perceberá o quão fortes esses ataques são, mesmo tendo sido bem enfraquecidos depois da atualização. Certamente valeu a pena o esforço de renascer para conseguir usá-la, e valerá ainda mais quando a fortalecermos. Volte para o Mestre Ferreiro Iji lá em Estrada para a Mansão e fortaleça a Espada da Noite e da Chama o máximo que puder. Perceba que ela ficará muito forte muito rápido. Deverá conseguir fortalecê-la pelo menos até o nível +4, e, se não tiver algum material, o próprio Mestre Ferreiro Iji vende Pedra de Forja Sombria de vários níveis, venda suas Runas Douradas se tiver ainda.

Agora, volte ao Observatório Real e saia pela porta noroeste para Três Irmãs. Siga para o norte e então acompanhe a estradinha de terra para o leste, passando ao norte dos muros externos da Mansão de Caria. Siga por essa estradinha, matando os lobos pelo caminho, e mate o escaravelho para conseguir o Feitiço: Arma Congelada. Acompanhe a estrada e logo verá um local de graça.

Fundos da Mansão de Caria

Ative o Local de Graça: Fundos da Mansão de Caria. Siga a estradinha e verá um cemitério onde os esqueletos começarão a sair de baixo da terra. Mate-os e siga em frente e verá uma bifurcação. Siga pelo caminho que vai na direção sudoeste, e deverá encontrar uma área ao final onde há albináuricos. Mate-os e pegue a Invocação: Cinzas Albináuricas. Ao norte daqui, verá mais um pintor fantasma sentado em um trono. Esse é mais um local retratado em uma pintura! Aproxime-se dele e ele sumirá, deixando o Conjunto de Equipamentos: Neófito, contendo o Barrete de Neófito e o Robe de Neófito. Também obterá uma Lágrima Larval. Daqui, siga para nordeste e, no alto de uma pedra que se desponta alto do chão, pegue Bolus de Descongelamento. Se seguir a estrada a sudeste daqui, ao final do cemitério, encontrará uma versão um pouco mais fraca do Lobo Vermelho de Radagon, com os mesmos poderes e força. A diferença é que ele estará acompanhado de alguns lobos e que agora teremos um terreno largo, no qual poderemos usar o Torrente. Invoque espíritos para ajudar a distraí-lo e fique sempre em movimento. Cuidado com suas magias de perseguição, desvie ao invés de defender! Não ganhará itens ao derrotá-lo, mas pegue a Runa Dourada no corpo onde ele estava. Agora siga para o nordeste daqui, e encontrará o Cárcere Perpétuo do Túmulo Real.

Vamos enfrentar o chefe aqui aprisionado. Trata-se do Lorde de Ônix. Já enfrentou diversos desses inimigos antes, já sabe como lutam. Ele é simples de matar, pois seus golpes são extremamente previsíveis. Os golpes físicos podem ser facilmente defendidos e os golpes de gravidade de longa distância são muito fáceis de se esquivar. Ele é fraco contra magia, e você pode usar seus feitiços contra ele, ou testar os golpes de postura da sua espada nova. Ao derrotá-lo, conseguirá o Feitiço: Meteorito, mais um poderoso feitiço de gravidade.

Bem, é só isso que temos por aqui. Agora volte para o Portão Principal da Academia, e examine o selo na parte norte do local.

Portão Leste de Raya Lucaria

Ative o Local de Graça: Portão Leste de Raya Lucaria. Essa é a entrada leste da Academia de Raya Lucaria. Aqui, encontrará a Leitora de Dedos e também o Boc! Esse será o novo local de moradia de Boc, o macaco costureiro. Ainda não temos roupas para ele customizar, no entanto. Bem, agora descanse nesse local de graça e espere vir a noite.

Isso porque essa estrada a nordeste é local de patrulha de mais uma Cavalaria da Noite. Já enfrentou três deles até aqui, então deverá saber o que te espera. Acabe com ele e conseguirá a Cinza da Guerra: Caça de Gigantes e a Arma: Glaive do Cavaleiro Noturno.

Siga a estrada para nordeste, e fique atento aos cavaleiros de cuco montados. Quando encontrar um, atraia-o e mate-o isoladamente dos outros. Lembre-se: solte feitiços no cavalo até derrubá-lo do cavalo, e então finalize-o no chão. Siga a estrada e logo verá algumas ruínas. Há um feiticeiro em cima das ruínas, e mais soldados e um cavaleiro de cuco por perto. Certifique-se de primeiro matar os cavaleiros de cuco montados na área, antes de enfrentar esses reunidos, para evitar surpresas desagradáveis. Pegue a Pedra de Santuário perto das ruínas. Bem a leste da Igreja Bellum, encontrará uma ruína de um pilar caído que poderá usar para pular e subir até a parte alta das pedras, onde encontrará um acampamento com um soldado e um cavaleiro de cuco. Mate-os e pegue o Ovo Lunar.

Muito bem, agora preste atenção. Se seguir a estrada para nordeste, encontrará um grande acampamento inimigo, o problema é que há duas balistas enormes capazes de nos acertar a longas distâncias e ainda causar muito dano. Essas balistas serão muito perigosas e mortais se for diretamente por campo aberto. A melhor coisa que pode fazer é ir para o leste e seguir ao norte pela parte rente às pedras, bem escondido das balistas. Seguindo por esse caminho, entrará no acampamento inimigo por trás das balistas. Mate os soldados operando as balistas para não ter mais com o quê se preocupar e depois mate os vários soldados e cavaleiros cuco na área. Se quiser, invoque um espírito para ajudar. Abra o baú no local e pegue a Arma: Maça Grande. Na estrada ao centro, há mais um cavaleiro cuco montado e um carro de fogo. Do outro lado do acampamento, na ala oeste, há mais um cavaleiro cuco e soldados operando balistas. Pegue um Pedrilhante de Cuco no corpo por aqui. Se seguir para a beirada do precipício a oeste daqui, ainda encontrará um Arco de Runa em um corpo. Agora siga a estrada, e verá uma enorme construção à frente. Antes de entrar, saiba que poderá seguir à esquerda dessa construção e encontrar um escaravelho cercado por morcegos. Mate os morcegos e então mate o escaravelho para conseguir uma Pedra de Forja Sombria. Agora, volte e entre na construção. Pegue um Sebo de Ferida de Dragão no corpo na escadaria.

Grande Elevador de Dectus

Vire à direita e ative o Local de Graça: Grande Elevador de Dectus. Esse Grande Elevador de Dectus pode nos levar a Platô Altus, uma nova área, só que ele precisa das duas partes do Medalhão de Dectus, e nós só temos a primeira metade no momento. Não tem problema, eu o guiarei até onde está a outra metade em outra parte do guia, e depois exploraremos Platô Altus.

Saindo daqui, desça a escadaria e siga para o sul. Verá uma subida que segue para o sul. Há vários ratos e ratos gigantes pelo caminho. Esses ratos são frenéticos, seus ataques causam loucura além do dano, que nem os da Península das Lágrimas. Mas eles estão longe de ser seu maior desafio aqui. Olhe para o sul, lá no alto da colina que está tentando subir, e encontrará uma torre com uma chama alaranjada no topo. Pois bem, aquela é a Torre da Chama Frenética, e sempre que a chama “te ver”, sua taxa de loucura irá crescer. Quando essa taxa chegar ao máximo, irá perder vida e talvez até mesmo morrer. Para evitar receber dano, encoste-se atrás de pedras e árvores para obter abrigo. Não fique vulnerável à chama da loucura. Vá subindo de pouco em pouco, quando a torre parar de brilhar. Eu acho mais fácil ir pelo lado leste da subida, onde há uma fonte espiritual que te levará lá para cima. Quando conseguir subir a colina, siga para o sudeste e deverá encontrar um local de graça em um ponto seguro atrás de algumas pedras.

Arredores do Vilarejo da Chama Frenética

Ative o Local de Graça: Arredores do Vilarejo da Chama Frenética. Pois bem, agora o nosso maior desafio será chegar de fato até a torre. Ao norte desse local de graça, verá uma série de pedras que pode passar por perto, impedindo a exposição à chama frenética. Fique colado às pedras. Nos breves momentos em que a chama frenética der uma pausa, corra para a próxima pedra. Então, permaneça em um local seguro até ser possível se mover novamente. Na extremidade sul da torre, verá uma parte destruída, no qual poderá pular e entrar. Haverá ratos na parte inferior, mate-os com cuidado, sempre de uma cobertura junto aos muros. Depois, comece a subir as escadas entre um andar e outro. Após três lances de escada, chegará ao topo, onde sacerdotes frenéticos invocam a chama frenética. Mate todos os sacerdotes frenéticos rapidamente, e a chama frenética será extinguida para sempre. Ufa! Desça um lance de escadas e abra o baú para pegar o Encantamento: Uivo de Shabriri. Agora desça da torre e poderá descer por aquela subida que vinha subindo, e pegar os itens nos corpos pelo caminho. Encontrará Braseiro Amarelado, Pedra de Forja e Runa Dourada. Há ainda Seta de Rebarba em um corpo em uma pedra inclinada.

Agora volte ao local de graça Arredores do Vilarejo da Chama Frenética e siga a estradinha de terra indo para leste. Encontrará um daqueles trolls feiticeiros. Depois de matá-lo, siga em frente e entre no Pináculo do Prosélito. O interior do local está trancado, e pedindo o gesto Erudição. Você já adquiriu esse gesto quando ajudamos Thops a voltar para a Academia de Raya Lucaria. Se não estiver equipado com a Coroa Pedrilhante de Karolos ainda (esse capacete é muito bom para feiticeiros), equipe-o e então faça o gesto Erudição na frente da estátua para abrir a porta. Suba a escada e encontrará um novo tipo de inimigo, uma bola de cabeças de feiticeiro reunidas. Fique de longe e solte feitiços nele até derrotá-lo. Suba o elevador e continue subindo até o topo da torre. Abra o baú e pegue o Feitiço: Canhão de Haima e o Feitiço: Malho de Haima.

Saindo da torre, vá para o sul da torre e pegue Dardo de Cristal. Olhe para o oeste, e verá aquela conhecida série de lápides saindo da pedra formando uma escada até a parte de baixo do desfiladeiro. Lá embaixo, encontrará um capitão fantasma com espada e escudo protegendo a entrada de uma catacumba. Você pode encará-lo ou simplesmente passar furtivamente pela direita, de modo que ele não o veja, e entrar na catacumba. Fica a seu critério.

Catacumbas das Facas Negras

Ative o Local de Graça: Catacumbas das Facas Negras. Desça a escada e mate o esqueleto. Já verá a porta de ferro que será o nosso objetivo final da catacumba. Siga em frente e verá esqueletos acompanhados de um necromante. O necromante sempre irá reviver os esqueletos, então primeiro mate o necromante, depois mate os esqueletos. Conseguirá diferenciar esqueletos imortais dos normais pelo brilho azulado em volta deles. Ao lado, verá um mecanismo que exige uma Chave de Espada de Pedra. Se veio seguindo o guia e comprando todos à venda, deverá ter cerca de 10 dessas chaves. Abra o mecanismo, entre e pegue a Arma: Machado de Rosus. Seguindo em frente, verá uma sala com múltiplas armadilhas. Além de machados caindo do teto, há esqueletos arqueiros na área e mais um esqueleto arremessando bombas no andar de cima. Como há um necromante por perto e ele não poderá ser atingido daqui, para piorar os esqueletos são imortais. Então, saia correndo em frente, pegando o Fígado Derivado à Prova de Feitiço no meio do caminho. Ao final do caminho, desça a escada vertical. Mate um caranguejo gigante na área e então surgirá outro caranguejo gigante. Após matar os dois, pegue o Arco de Runa. Volte para a sala das armadilhas e derrube todos os esqueletos. Agora, espere que o machado no centro da sala caia, e então fique sobre o orifício. Quando o machado erguer de novo, ele o levantará, e conseguirá pular até a plataforma onde estava o esqueleto que arremessava bombas. Siga em frente, ignore os esqueletos e mate logo o necromante. Siga adiante até o final do caminho, e acerte a parede ao final para revelar uma passagem secreta contendo uma névoa amarela. Antes de entrar, invoque nosso parceiro da Mesa Redonda, o D, Caçador dos Mortos, pelo sinal de invocação dourado. Com ele ao seu lado, entre.

O chefe da área será o Assassino da Faca Negra, um inimigo já conhecido, já o enfrentou em outra catacumba lá em Limgrave. Só que ele estará muito mais forte e com mais vida desta vez. Não poderá invocar espíritos nessa luta, mas o D será mais do que suficiente. Deixe que D chame a atenção dele, enquanto ataca por trás com golpes físicos ou de longe com feitiços perseguidores. Ele pula e se move muito, sendo quase impossível acertá-lo com algum feitiço mais potente, então fique só nos golpes físicos mesmo. Quando ele vier em sua direção, defenda-se até que ele volte a mirar no D. Use o trabalho em conjunto em seu favor e logo conseguirá derrotá-lo, recebendo o Talismã: Adaga de Assassino Cerúlea, que restaura mana com acertos críticos, e o Entalhe de Faca Negra, um item especial que seria usado para dar sequência na sidequest do Feiticeiro Rogier, lá na Mesa Redonda, mas não iremos dar sequência nessa sidequest.

Abrirá um sinal de retorno ao início da dungeon, mas não o use. Há mais catacumba ainda pela frente! Saindo da sala do chefe, olhe para a esquerda e verá um buraco no chão. Caia por ele para cair bem diante da alavanca que abre o portão de ferro. Antes de acioná-lo, alguns esqueletos irão levantar, mate-os. Depois, acione a alavanca sul para abrir a porta do chefe e a norte para abrir a saída. Faça todo o caminho de volta até o local de graça e recupere as forças. Agora, vamos para a névoa amarela que nos separa do verdadeiro chefão desta catacumba.

O chefe se chama Sombra do Cemitério, e se trata de uma espécie de morte, só que ela estará rodeada por vários esqueletos. Assim que a luta começar, invoque espíritos e saia correndo. Isso porque alguns esqueletos virão na sua direção, e há mais esqueletos arqueiros do outro lado da sala. Corra até os arqueiros e mate-os primeiro. Não se esqueça de golpeá-los no chão para destrui-los de vez. Depois, lute com os esqueletos normais. A ideia é que fique apenas cara a cara com o chefe, que é bem fraco sozinho. Ele é razoavelmente lento, então dá para ficar longe dele soltando feitiços enquanto ele se preocupa com os espíritos. Na verdade, ele é tão fraco que muito provavelmente o espírito conseguiria derrotá-lo sem sua interferência. Após matá-lo, receberá Invocação: Cinzas de Feiticeiro Sábio Gêmeo. Depois abra o baú no local e conseguirá mais Raízes da Morte. Use o sinal para sair da catacumba.

Volte para o Santuário Bestial e entregue mais Raízes da Morte para o Gurranq. Receberá como recompensa Cinzas da Guerra: Rugido da Fera.

Agora, volte para Arredores do Vilarejo da Chama Frenética. Siga para sudoeste, e encontrará o Vilarejo da Chama Frenética. Entre e mate todos os sacerdotes frenéticos e soldados frenéticos na área. Atrás da primeira casa à esquerda da entrada do vilarejo, pegue o Bilhete: O Lorde da Chama Frenética, que fala sobre a presença do Três Dedos na parte mais profunda da cidade de Leyndell. Dentro de uma das casas, pegue o Livro de Receitas: Frenético. Mais adiante, pegue o Talismã: Pesar de Shabriri na porta de outra casa. Esse talismã atrai os inimigos próximos constantemente. Dê a volta no local e suba pela subida que vai para nordeste. No topo do local, primeiro desça para o sul, pela parte de cima. Deverá ver um escaravelho cercado por alguns ratos. Mate os ratos e depois mate o escaravelho para conseguir Encantamento: Estouro de Frenesi. Ao lado de uma das torres no local, se olhar para baixo, verá uma passarela de interligação entre torres. Pule nessa passarela e encontrará uma Chave de Espada de Pedra em um corpo.

Desça ao chão e então suba novamente pela mesma subida de antes. Comece a ir na direção da igreja a noroeste e será invadido por um poderoso inimigo chamado Vyke dos Dedos Fétidos. Esse inimigo é difícil porque ele possui poderosos ataques que causam loucura e tiram bastante vida. Ele possui golpes físicos e também possui golpes especiais que atingem uma larga área ao redor, mas que podem ser impedidos se você o atingir enquanto ele estiver invocando. A maneira mais fácil de lutar contra ele é com feitiços de perseguição, À distância, e tomando cuidado com seus poderes. Para matá-lo com facilidade, conjure o feitiço Falange de Lâmina Grande e vá em direção a ele com o escudo erguido. Ele será atingido na hora em que abaixar a guarda, ficando ainda vulnerável a mais ataques. Afaste-se, conjure outra Falange de Lâmina Grande e repita. Ele mal terá chance de te atingir, apanhando do feitiço e em seguida do outro ataque. Ao derrotá-lo, conseguirá a Arma: Lança de Guerra de Vyke e a Uva Dactilar. Esse era o item que a Hyetta estava procurando! Antes de qualquer coisa, continue subindo até a igreja no alto da colina.

Igreja da Inibição

Entre na igreja e ative o Local de Graça: Igreja da Inibição. Pegue a Lágrima Sagrada #7 no altar, e agora poderemos aumentar a capacidade curativa dos frascos curativos para +7! Além disso, há uma donzela morta aqui, pegue em seu corpo o Conjunto de Equipamentos da Donzela de Dedos, contendo Faixa de Donzela dos Dedos, Robe de Donzela dos Dedos e Sapatos de Donzela dos Dedos. Aparecerá ainda a opção para tingir o pano que recebeu do Varré com o sangue dela, faça isso e receberá o Favor do Lorde do Sangue.

Agora volte ao local de graça Ruínas do Lago Caído e vá para oeste, até a Igreja da Rosa, onde fica o Varré da Máscara Branca. Mostre a ele o Favor do Lorde do Sangue e estaremos prontos a nos tornarmos eruditos de Mohg, o Lorde do Sangue. Ofereça seu dedo e receberá o Dedo Sangrento, um item que te permitirá invadir mundos de outros jogadores infinitamente. Fale com ele novamente, e receberá o item Medalha de Cavaleiro Sangue Puro. Se usar este item, será transportado para uma área extremamente avançada, com inimigos difíceis demais para nosso nível atua, então não use esse item!

Agora volte para o local de graça Igreja Bellum e fale com a Hyetta. Entregue a ela a Uva Dactilar, e ela agradecerá. Não receberá nenhuma recompensa agora, mas a sidequest dela não acabou ainda!

Volte para a Igreja da Inibição e desta vez siga para sudoeste. Vá seguindo para sudoeste, acompanhando a beirada oeste, e encontrará uma série de tumbas abertas protegidas por flores venenosas e Mirandas. Mate-as e depois pegue Runas Douradas nas tumbas. Se olhar ao sul, deverá ver mais um Mausoléu Andante. Desça até lá e comece a destruir a corrupção presente nas patas do Mausoléu Andante. Após destruir a corrupção, o ser deitará e o Mausoléu #3 estará disponível. Esse é outro mausoléu onde pode duplicar lembranças de chefes, se quiser. Siga para leste, matando os seguidores ancestrais pelo caminho, até o pé da Térvore Menor. Prepare-se para um chefe.

Como em quase todas as Térvores Menores, terá de encarar um Avatar da Térvore. Já enfrentou alguns até aqui, já sabe como eles lutam. Os golpes serão os mesmos de sempre, sem novidades. Derrote-o e conseguirá Lágrima Rachada Envolvida por Magia, Lágrima Rachada Envolvida por Eletricidade e Lágrima Rachada Envolvida por Santidade.

Agora volte para o oeste, até o mausoléu, e então siga para sudoeste. Vá até o final, até o precipício mais ao sul, mais distante possível. Seguindo o precipício para o leste, encontrará uma descida contendo lobos e seguidores ancestrais, e a descida vai até uma floresta isolada bem no final do caminho. Nesse local, encontrará um urso rúnico e um corpo sentado em uma cadeira no centro do bosque, contendo 3 Folhas de Artéria. Pegue e volte correndo, ignorando o urso rúnico, ou mate-o usando feitiços poderosos e a velocidade do Torrente. Volte pelo caminho até a parte alta, e então siga para a direção sudeste, por cima do caminho. Verá um buraco nas pedras. Passe entre as pedras e pegue o Talismã: Amuleto de Chifre Robusto, que aumenta a robustez. Agora siga para o norte e nordeste, acompanhando as pedras da direita, e verá uma descida. Desça a um terreno baixo onde encontrará um local de graça.

Complexo de Mausoléus

Ative o Local de Graça: Complexo de Mausoléus. Continue descendo, pelo caminho que o levará até uma lagoa lá embaixo, no qual verá mais um Mausoléu Andante. Esse também possui corrupção nas pernas, mas cuidado com seu golpe de pulo, que cobre uma enorme área. Destrua a corrupção nas pernas e a tartaruga de pedra cederá, permitindo que entre no Mausoléu #4. Ao sul dessa lagoa, no alto de algumas pedras, pegue o Escudo: Escudo de Chifre Espiral no corpo. Da lagoa onde fica o último mausoléu, siga para o nordeste até encontrar um caminho que desce na direção sudoeste. Siga por esse caminho e verá mais um local de graça.

Labirinto Arruinado

Ative o Local de Graça: Labirinto Arruinado. Se seguir ao sul, poderá matar os seguidores ancestrais arqueiros que estavam dando trabalho anteriormente, bem lá atrás no nosso detonado. Haverá vários seguidores ancestrais por lá, mas não terá motivos para seguir para o sul, pois não há itens por lá. Seguindo para o leste, poderá pegar uma Pedra da Chama de Frenesi na ponta da pedra ao lado da estátua gigante. É só isso que podemos obter aqui. A área de Liurnia dos Lagos já foi quase toda desbravada, faltando poucas áreas inéditas para explorar. Mas antes de encerrarmos essa parte do guia, vamos voltar e enfrentar um inimigo que deixamos para trás anteriormente. Volte para a Quadra do Templo e siga para o norte.

Vamos encarar mais uma vez o Dragão Pedrilhante Smarag, aquele dragão que protegia a Chave Pedrilhante da Academia de Raya Lucaria. Ele era difícil de se derrotar naquele momento, porém agora, mais forte e com o poder de nossa nova arma, ele será bem mais fácil. Deverá encontrá-lo dormindo no mesmo local de antes. Invoque um espírito para distrair o dragão, cavalgue com o Torrente por trás dele, e, quando chegar perto das patas traseiras dele, use o especial de fogo da Espada da Noite e da Chama. Se não lembra como faz isso, desmonte do cavalo, empunhe a espada com as duas mãos, segure L2 e aperte R2. Esse golpe é poderoso e atinge uma grande área, causando um bom dano no dragão. Quando ele for dar uma rabada ou pisão, defenda-se, ou chame o cavalo e se afaste rapidamente. Espere outra oportunidade de ataque e repita. Ele não conseguirá resistir muito tempo. Ao derrotá-lo, pegue o Coração de Dragão. Você pode voltar para a Igreja da Comunhão do Dragão lá em Limgrave e usar esse Coração de Dragão para conseguir mais um poder de dragão. Agora, falta mais um local que ignoramos e vamos explorar agora.

Vilarejo Oculto da Ravina

Volte ao local de graça Vilarejo Oculto da Ravina e suba a série de escadas verticais ao lado que levam até o topo do local. Lá no topo, encontrará um túnel, entre. Pegue a Pedra de Forja e vá matando os mineradores aqui dentro. Suba a escada vertical e tome cuidado. Comece a matar os membros da milícia vulgar pelo local, e tome cuidado com as armadilhas de veneno na área. Lembre-se que o encantamento Chama, Limpe-Me cura veneno, se precisar. Pegue todas as Pedras de Forja na área e siga em frente. Quando ver o elevador, suba por ele. No meio do caminho, poderá pular em uma plataforma para pegar Pedra de Forja em um corpo. Para descer de volta, procure por plataformas iluminadas mais abaixo. Suba novamente no elevador, até o final. Mate mais mineradores pelo caminho, e pegue Runa da Periferia. A primeira sala à esquerda é uma armadilha, cuidado. Mate os dois membros da milícia vulgar antes de pegar o Sebo Elétrico. Subindo a escadinha, mate os membros da milícia vulgar de tocaia antes de pegar o Arco de Runa. Agora siga pelo túnel oeste. Verá um escaravelho, mas o mate de longe, com magia. Ele irá explodir ao morrer, e conseguirá Pedra de Forja Sombria. Agora siga em frente para entrar na dungeon em si, chamada de Precipício Pontilhado de Ruínas.

​Ruína do Penhasco

Saindo ao ai livre, vá para a esquerda e pegue Algodão Macio na ponte. Ative o Local de Graça: Ruína do Penhasco, que está ao lado. Suba o elevador ao lado. Suba a escada, mate o membro da milícia vulgar e o morcego. Suba mais escadas, mate os morcegos e pegue Runa da Periferia. Acompanhe o precipício, e verá uma escada vertical que desce, à esquerda. Desça, mate o minerador e pegue Pedra de Forja Sombria. A leste da escada vertical, verá uma pilha de pedras, suba-as pulando e, no topo, pule na plataforma do outro lado para pegar Pedra de Forja Sombria. Agora desça e suba a escada vertical ao final do caminho. Olhe para o norte e verá dois morcegos ao lado de um corpo. Mate-os e pegue a Runa da Periferia. Mate os morcegos na parte superior do local e pegue as várias Pedras de Forja espalhadas pela área. Na plataforma à frente, encontrará mais uma harpia. Ataque-a de longe com magias, e fuja da sua nuvem tóxica. Após matá-la, suba a escada vertical na plataforma. Daqui, poderá pular para o parapeito da pilastra ao lado e pegar Runa da Baixada. Volte para a plataforma de madeira e siga em frente. Mate os polvos e os morcegos. Suba a escada vertical, e ouvirá mais cantoria. Tem mais duas harpias esperando por você lá em cima. Antes de ir enfrentá-los, suba a escada vertical no canto noroeste do local. Atravesse a ponte de madeira e mate os polvos e o polvo terrestre. Após matá-los, pegue a Pedra de Forja e a Arma: Espada Curva do Deus-Serpente. Agora será hora de voltar e enfrentar as duas harpias. Cuidado ao enfrentá-las, pois elas conhecem feitiços de área, e podem ser bem mortais juntas. Invoque um espírito para ajudar na luta. Mate-as e pegue Pedra de Forja e Arco de Runa pelo local. Se seguir até o final do parapeito na direção sul, pegará Cinzas de Guerra Perdidas, um item que pode usar com o Mestre Ferreiro Hewg lá na Mesa Redonda para recuperar cinzas de guerra que foram perdidas. Agora sim, suba o elevador na plataforma.

​Vista das Ruínas do Penhasco

Ative o Local de Graça: Vista das Ruínas do Penhasco. Bem, verá uma imensa parede de névoa amarela, e podemos perceber que o que nos espera não será nada pequeno. Há dois sinais dourados de invocação na porta do chefão: o Arruaceiro e o Tragoth dos Grandes Chifres. Invoque ambos, e receberá ainda o Gesto: Saudação Casual. Prepare-se, respire fundo e entre na névoa amarela.

​Wyrm de Magma

Terá de enfrentar o Wyrm de Magma de Makar. Esse dragão enorme e cuspidor de fogo será um oponente incrível, mesmo com duas invocações e mais espíritos ajudando na batalha. Esse dragão irá usar e abusar de golpes de área, cuspindo lava por todo o cenário e ainda golpeando com sua espada para atingir ainda mais longe. Ficar perto dele é suicídio, então fique a média distância e jogue seus melhores feitiços nele. Mire no corpo dele, e não na cabeça, pois ele move a cabeça com bastante frequência e assim irá errar muito mais feitiços do que se mirar na barriga dele. Deixe que ele se preocupe com as invocações da área enquanto o descarrega seus feitiços mais poderosos nele. Quando ele cair no chão, corra até ele e dê um golpe crítico na cabeça. Quando ele vier em sua direção, corra para bem longe e tente usar a pilastra central como proteção até que ele o perca de vista. Ele deverá conseguir derrotar todos os invocados, mas, se tiver sorte, ele já deverá estar quase morrendo. Tome cuidado e tire a parte final da vida dele com mais alguns feitiços. Ao derrotá-lo, receberá um Coração de Dragão e a Arma: Espada de Escama do Wyrm de Magma, além de liberar um troféu:

Wyrm de Magma de Makar

Esse troféu será liberado quando derrotar o Wyrm de Magma de Makar.

Que batalha épica, não? Parabéns pela vitória! É normal morrer algumas vezes, também. Seja como for, ative o Local de Graça: Wyrm de Magma. Vamos em frente. Vá até o final do caminho, e suba pelo elevador, que o levará até um lugar bem, bem alto. Não é à toa que essa região do mapa se chama Platô Altus, é porque fica bem alto mesmo.

​Caixão Abandonado

Admire a vista daqui de cima. Depois, siga em frente pelo caminho e já verá o Local de Graça: Caixão Abandonado. Essa região do mapa se chama Platô Altus, e é uma região importante com inimigos fortes. Essa é a mesma região em que iríamos desvendar se conseguíssemos subir aquele Grande Elevador de Dectus que vimos anteriormente, ou seja: encontramos um caminho alternativo! Mas nós não iremos explorar essa área no momento, há outras áreas mais fáceis que eu recomendo a explorarmos primeiro. Viemos aqui só para deixar marcado a conquista do local de graça para voltarmos futuramente.

Volte para a Mesa Redonda e fale com o Irmão Corhyn. A partir do momento em que chegamos ao Platô Altus pela primeira vez, ele deverá mencionar a vontade de ir embora para conhecer o Máscara Dourada. Se descansar no local de graça, ele irá embora da Mesa Dourada para sempre, então, se quiser comprar algum encantamento com ele, é bom comprar agora. Mas não se preocupe, ainda encontraremos o Irmão Corhyn diversas vezes em nossas aventuras.

Não se esqueça de voltar depois para a Igreja da Comunhão do Dragão e usar o Coração de Dragão para pegar um novo encantamento. Já deverá conseguir pegar os três encantamentos presentes no local!

Bem, agora temos um vasto leque de opções de territórios para explorar. Já deverá estar pelo menos no nível 60 a essa altura, e se não estiver, trate de acumular runas e evoluir imediatamente. No nível 60, já estará forte o suficiente para encarar diversos lugares disponíveis. Podemos ir para Caelid, Platô Altus e vários outros lugares. O caminho que precisamos seguir pela história principal do jogo é Platô Altus, porém, para dar continuidade a diversas sidequests, vamos explorar algumas áreas opcionais anteriormente ignorada: os rios subterrâneos.

Na próxima parte do guia, iremos explorar o Rio Ainsel e o Rio Siofra, duas áreas subterrâneas que chegamos a descobrir mas ignoramos anteriormente porque eram áreas fortes demais. O nível recomendado para explorá-las é por volta de 60, então já estamos fortes o bastante para explorarmos essas áreas.

E esse é um bom momento para darmos uma pausa na sexta parte do nosso detonado, evitando que fique um texto muito comprido! Na próxima parte do detonado, iremos explorar o Rio Ainsel e o Rio Siofra! Não pode deixar de conferir!

E aí, está gostando do nosso detonado completo passo-a-passo até aqui? Curta e comente o que achou! A parte 7 do detonado já foi publicada, confira!

Confira também nossos outros detonados.

Clássico do PS1 com troféus A principais notícias do dia 15 de maio