Slitterhead foi revelado durante a The Game Awards 2021. O game de Keiichiro Toyama, mesmo criador de games como Silent Hill e Siren. Na ocasião o game recebeu apenas um pequeno trailer sem muitas informações. Entretanto novos detalhes foram revelados agora.

Keiichiro Toyama, explica que Slitterhead vai ser um jogo de ação em terceira pessoa. O jogo vai trazer uma experiência única, e mecânicas ainda não vistas nos games.

Confira abaixo algumas revelações sobre o game:

Não posso entrar em muitos detalhes ainda, mas posso dizer que este será um jogo de aventura voltado para a ação em uma perspectiva de terceira pessoa. No entanto, o jogo incluirá muitas mecânicas inéditas que não foram vistas até agora em outros jogos, então acho que resultará em uma experiência única.

O jogo colocará você para lutar contra criaturas misteriosas que podem imitar os humanos, mas como você pode fazer eles se revelarem? Isso será um pilar importante dessa aventura e da história. As criaturas se chamam Yakushi, uma espécie de monstro que tem suas raízes no teatro clássico.O jogo irá explorar a vida e a morte e o processo de decadência ao longo da vida cotidiana, então, inevitavelmente, alguns dos desenvolvimentos e visuais serão bastante chocantes. Dito isso, não estamos apenas nos concentrando no sangue; pretendemos retratar o terror de uma forma que aprofunde a sensação de imersão para o jogador.

Embora seja um jogo de terror, nosso objetivo é fazer um jogo que seja divertido em uma ampla gama de níveis, com uma história cheia de mistério e novos tipos de gameplay de ação.No momento, estamos nos preparando para concluir a verificação do conceito central do protótipo e em seguida aumentamos o tamanho da equipe e iniciaremos a produção em grande escala. Estaremos comprometidos com a produção até pelo menos o final de 2022, mas manteremos nossos fãs informados com atualizações conforme o progresso do desenvolvimento.

Aqueles que estão familiarizados provavelmente terão adivinhado pelo trailer que a cidade é inspirada na Hong Kong dos anos 80 e 90. No entanto, não é a verdadeira Hong Kong. O jogo explorará um cenário original que combina os pontos turísticos nostálgicos daquela cidade com pura ficção.

Vale ressaltar que o game ainda não tem plataformas definidas, entretanto deve ser um game exclusivo da nova geração de consoles.

Clássico do PS1 com troféus A principais notícias do dia 15 de maio