Começou a jogar agora o Elden Ring e está travado em Está com alguma dificuldade em Elden Ring? Então acompanhe a parte 14 do detonado completo passo-a-passo de Elden Ring exclusivo aqui da Games Ever! Lembrando que também serve como um guia de platina tanto para troféus do Playstation quanto conquistas do Xbox / Steam!

Essa é a continuação do nosso detonado do game, que começou aqui.

Elden Ring Detonado

Sem mais delongas, vamos continuar o detonado:

Na parte anterior do detonado, exploramos toda a extensão de Leyndell, a Capital, tanto na superfície quanto em seus subterrâneos perigosos. Enfrentamos diversos inimigos poderosos e chegamos bem perto de virarmos o Lorde Prístino, mas agora temos um novo objetivo: desbravar as Terras Proibidas. As áreas que exploraremos nessa parte possuem como nível recomendado o nível 90, mas já deverá estar bem acima desse nível. Devido à extensão e quantidade de inimigos e chefes na área anterior, já deverá estar por volta do nível 100 nessa parte.

Volte para o local de graça Varanda da Avenida e suba para a avenida principal de Leyndell. Vá até a extremidade leste da avenida principal, e encontrará um imenso portão, abra-o e siga. Mate os bastardos alados no local e pegue 3 Sangues de Fera. Ignore a escada e siga por baixo. Mate os cachorros e pegue a Runa Dourada. Siga em frente, mate mais bastardos alados e pegue um Fígado Desidratado à Prova de Eletricidade. Ao final do caminho, enfrentará um Bastardo Leonino. Fique de longe e use feitiços de perseguição. Depois da batalha, pegue o Frasco de Perfume no corpo. É só isso aqui por baixo, volte todo o caminho e suba a escada. Vire à esquerda no meio da escada e mate todos os bastardos alados no cemitério, então pegue 2 Sebos Soporíferos no local. Olhe para a parte baixa a sudeste e verá um bastardo alado lá embaixo. Mate-o daqui de cima com magia e depois desça para pegar Pedra de Forja Sombria atrás da estátua. Continue seguindo para o sul, e encontrará um grupo composto por bastardos alados, perfumistas e outro Bastardo Leonino. Invoque a sua cópia para ajudar no combate e extermine todos. Perto da escada, pegue uma Carne Exaltada, e na escada em si, pegue 3 Borboletas Nascentes. Continue seguindo ao sul, e entre na construção ao lado. Acione a alavanca no imenso elevador à frente.

No alto do local, suba a escada e mate os soldados. Pegue o Talismã: Talismã de Draco de Fogo +1, que aumenta a negação de dano de fogo. Siga em frente e mate os soldados e cavaleiros, sendo um deles montado. Siga em frente e verá um escaravelho. Tente matá-lo, e ele virará um escaravelho gigante, mate-o e conseguirá uma Pedra de Forja Sombria. Siga em frente pelo local até entrar em uma enorme construção. Há um elevador e uma saída sudeste daqui, saia primeiro pela saída sudeste.

Selo da Torre Divina

Verá uma enorme ponte, mas assim que começar a atravessá-la, será transportado para outro mundo. Não se assuste, estará tudo escuro propositalmente, estamos em outro território. Pegue a Runa Dourada em frente. Siga em frente e será atacado por um chefe.

Irá encarar dois Gêmeos Caídos. Eles são consideravelmente fáceis no nosso nível atual, até porque virá um de cada vez. Invoque sua cópia e fique de longe soltando feitiços. Ou, se quiser, pode usar a espada e a Explosão de Luar, que é muito eficiente contra esse inimigo. Acabe com um e depois com o outro, e se for rápido eles não lutarão juntos. Deverá acabar com ambos rapidamente. Se precisar de ajuda, assista o vídeo abaixo:

Acabando com os dois, receberá a Invocação: Rollo, Assassino de Agouros e será transportado de volta para a ponte onde estava, mas do outro lado, de frente com um local de graça.

Ative o Local de Graça: Selo da Torre Divina. Logo em frente, estará a Torre Divina de Altus Leste. Abra o portão, entre e suba o elevador. Suba até o alto da torre e verá mais um local de graça.

Torre Divina de Altus Leste

Ative o Local de Graça: Torre Divina de Altus Leste. Agora vá até os dois dedos e ative a Grande Runa: Morgott. Essa runa possui apenas um poder: ela aumenta muito a vida, e só. Eu, pessoalmente, ainda gosto de usar a Runa de Godrick quando enfrento chefes, pois acho mais versátil.

Saia da torre, atravesse a ponte novamente e desta vez desça pelo enorme elevador. Fique de olho na direção sudoeste ao descer pelo elevador, e verá uma plataforma para a qual pode pular. Desça nessa plataforma a sudoeste e pegue o Traje de Oficial. Entre na sala em frente e pegue a Arma: Lâmina do Chamado. Agora saia daqui e desça até o chão. Siga na direção nordeste e logo estará em uma nova área, chamada Terras Proibidas. Veja só, neve! Siga e verá um local de graça adiante.

Terras Proibidas

Antes de ir ao local de graça, siga para oeste para pegar 2 Sebos Inflamáveis com Cordão. Agora ative o Local de Graça: Terras Proibidas e fale com a Melina. Passe o tempo até ficar de noite. Bem, como o sinal da graça aponta para nordeste, vamos para nordeste, seguindo a estrada em meio à neve. Será atacado por diversos membros da milícia vulgar à frente. Tente pegá-los desprevenidos, eles estão em bom número e muito mais fortes do que antes. Suba o pilar caído na parte da direita para pegar uma Runa Dourada no corpo. Siga em frente, o caminho é simples e linear, não tem como se perder. Se estiver de noite, aparecerá um novo inimigo:

Iremos enfrentar a Cavalaria da Noite. Já está acostumado a enfrentá-los, o problema é esse local em que estamos. É um desfiladeiro cercado por penhascos, então qualquer passo em falso e você pode acabar caindo para a morte. Lutar a cavalo aqui é uma loucura, a melhor tática aqui é lutar a pé mesmo. Use a sua Espada Grande da Lua Sombria e um escudo. A ideia é manter o escudo erguido, tomar o golpe dele no escudo e então usar a Explosão de Luar logo em seguida. A Cavalaria da Noite costuma vir, bater e se afastar, então terá tempo de sobra para banhar a espada com o poder da lua ou se curar, se for necessário. Mantenha-se do lado oposto ao braço em que ele estiver com a arma, e ele demorará mais para dar os seus golpes, mas cuidado. Olhe bem o terreno em volta para não cair. Tente ficar sempre perto dele, defendendo o ataque e então atacando, só se afaste para se curar ou para banhar a espada novamente em luar. Provavelmente o derrubará do cavalo rapidamente, e então poderá dar um golpe crítico nele no chão. No chão, ele é muito mais fraco e vulnerável, mas ele costuma invocar outro cavalo rapidamente. Ao derrotá-lo, conseguirá a Cinza da Guerra: Corte Fantasma.

Siga em frente para nordeste e pule o buraco para outra plataforma. Mate mais membros da milícia vulgar e prossiga. Suba nas pedras à direita e deverá ver um crânio enorme de gigante. Dentro da boca do crânio, pegue Pedra de Forja Sombria. Siga para nordeste e verá uma árvore dourada contendo a Semente Dourada #35 no local. Continue subindo a estrada de neve a nordeste, e se permanecer na estrada, verá um sinal dourado de invocação de Millicent. Chame-a, e invoque também a sua cópia. Um chefe te espera adiante.

Irá enfrentar o Companheiro da Lâmina Negra. Ele se comporta como aquelas Gárgulas Campeãs que enfrentou anteriormente, mas bem mais poderoso e com golpes de grande alcance que causam sangramento. Porém, como as Gárgulas, ele só apresenta perigo de perto. Com a Millicent e a sua cópia atrapalhando ele, ele será bem simples, e tudo o que tem a fazer é ficar longe e soltar feitiços. Ao derrotá-lo, receberá a Arma: Lâminas-Gêmeas Negras da Gárgula e a Arma: Machado Negro da Gárgula.

Agora continue ao norte, e verá uma enorme construção adiante. Suba a escadaria e entre.

Grande Elevador dos Rolds

Ative o Local de Graça: Grande Elevador dos Rolds. Fale com a Leitora de Dedos ao lado se quiser saber mais informações sobre o que está por vir, depois suba as escadas ao norte e acione o Grande Elevador de Rolds da mesma forma que acionou o Grande Elevador de Dectus. Assista à cena, e então estaremos em uma nova área do jogo, chamada Montanha dos Gigantes.

Antes de seguir em frente, dê a volta no elevador para pegar 2 Sangues de Fera em um corpo. Agora siga a estrada que vai para o norte e depois leste. Já encontrará um monólito contendo o Mapa: Montanha dos Gigantes, Oeste. Este mapa também serve para a pequena área de Terras Proibidas. Bem, agora terá uma noção da dimensão do local. Siga a nordeste e já verá um local de graça.

Ruínas de Zamor

Ative o Local de Graça: Ruínas de Zamor. Olhe ao redor e verá o Yura. Mas espere, o Yura está morto! Fale com a pessoa, e ela se identificará como Shabriri, usando as roupas de Yura. Ele diz para não sacrificarmos a nossa donzela, e sim sacrificarmos a nós mesmos para nos tornarmos o Lorde do Caos. Hum. Continue seguindo a estrada e encontrará as Ruínas de Zamor. Os inimigos aqui são muito poderosos, saiba disso. Os guerreiros de Zamor possuem poderosos ataques de gelo que podem te matar com poucos golpes. Invoque a sua cópia para te ajudar no combate e mantenha distância, atacando sempre com feitiços. Siga na direção sudeste e achará um corpo com Carne-Seca Revigorante. Vire à direita e suba a escada, matando mais guerreiros de Zamor. A parte mais alta das ruínas estará repleta de guerreiros de Zamor, muito cuidado aqui. Ao acabar com eles, pegue o Feitiço: Tempestade de Gelo de Zamor. Lá no canto sudoeste das ruínas, encontrará uma escada que leva ao subterrâneo, desça, abra a porta e abra o baú para pegar o Sino: Minerador de Pedra de Forja. Entregue esse sino às Gêmeas Idosas na Mesa Redonda e poderá comprar Pedras de Forja de nível 5 e 6 com elas a partir de então.

Aconselho que volte ao local de graça para se curar, então siga a estrada que vai para leste. Encontrará falcões da tempestade, mate-os de longe também. Siga para o norte até subir a colina, então vire-se e vá para o sul. Olhe para a árvore e verá um escaravelho pendurado em um dos galhos, mate-o com magia e conseguirá uma Pedra de Forja Sombria. Continue seguindo ao norte, subindo a colina, e pegue 4 Borboletas Latentes no corpo perto da árvore. Descendo do outro lado da montanha, verá alguns monges de fogo de costas para você. Tente pegar alguns desprevenidos, e se subir na parte alta a noroeste, poderá matar vários monges de fogo de longe com magias. Tente matar todos os monges de fogo antes de encarar o líder deles, que é um Prelado. Prelados são aqueles com um vulcão na cabeça, que cospem fogo para todo lado. Invoque a sua cópia, se não invocou ainda, para te ajudar contra o Prelado, pois ele será difícil. Depois de matá-lo, suba na parte alta a sudoeste para pegar 3 Folhas de Artéria e o Feitiço: Sarças da Punição ao final. Desça até a ponte de pedra, mas não a atravesse. Siga para sudeste, acompanhando a beira do penhasco, e verá a entrada de uma catacumba.

Catacumbas da Montanha

O Olho da Fera estremece, o que quer dizer que tem Raiz da Morte aqui. Siga em frente e ative o Local de Graça: Catacumbas da Montanha. Siga em frente e mate os demônios com presas, e então vire à direita e desça a escada. Mate mais demônios com presas e siga até um elevador. Desça o elevador até o final. Então, acione o elevador novamente para que ele suba, mas saia do elevador e deixe-o subir sozinho. Verá um outro elevador aparecer embaixo do último. Desça para a parte mais subterrânea do local. Aqui embaixo, encontrará um demônio com presas e então um Cão de Guarda Fúnebre da Térvore. Sim, essas estátuas de gato que eram chefes de catacumbas antigas, agora viraram inimigos comuns. Acabe com ele e desça a escada. Antes de seguir o túnel ao norte, repare no totem de gelo pronto para lançar uma névoa de gelo em você. Use o arco para disparar uma flecha no totem, desarmando-o. Na bifurcação, não há nada à esquerda, continue ao norte. Desarme outro totem de gelo e saiba que há uma parede falsa à direita, contendo apenas um demônio com presas. Ao final do caminho, haverá outro Cão de Guarda Fúnebre da Térvore protegendo um baú. Se você atrair o Cão de Guarda pelo túnel pelo qual veio, poderá ir soltando feitiços nele à distância até matá-lo. Depois, abra o baú e conseguirá a Invocação: Cinzas de Monge do Fogo. É só isso nesse andar, faça o caminho de volta até o elevador.

Agora volte ao andar de cima e vamos em frente. Já verá a porta de ferro do chefe da catacumba, siga para a esquerda e tome cuidado com a emboscada de demônios com presas. Chegará a um elevador, desça por ele. Siga pelo túnel e mate os jarros vivos. Haverá um jarro vivo gigante na parte maior à frente. Siga para oeste e suba a escada. Cuidado com o piso de armadilha. Na sala com armadilhas de lâmina, mate os jarros vivos explosivos e então se afaste antes da explosão. Vire à esquerda e suba a escada a leste. No próximo corredor, encontrará ascídias terrestres, Mate-as e siga em frente para a outra sala, onde verá jarros vivos. Pegue Bolus Estimulantes à esquerda e caia no buraco para cair em uma plataforma contendo uma Borboleta Nascente. Muito cuidado antes de descer, pois há vários jarros vivos explosivos lá embaixo. É preferível sair correndo na direção oeste para atrair os jarros explosivos e ir matando-os de longe com magia. Na sala da armadilha dos jarros explosivos, há dois caminhos: um ao norte e outro a oeste. O caminho a oeste não leva a item nenhum, só inimigos, então siga para o norte. Encontrará um elevador, suba por ele e então mate os demônios com presas adormecidos na área. Um deles estará escondido no teto. Depois de matar todos, suba a escada defronte e encontrará um Cão de Guarda da Térvore. Ele está protegendo apenas 5 Resinas de Raiz, então, se quiser, pegue o item e volte correndo para o elevador. Acione o elevador para que ele suba, mas saia do elevador. Desça pelo buraco e cairá diante de um jarro vivo gigante, mate-o rapidamente. Siga pelo corredor, pegue a Runa Dourada e acione a alavanca. Desça para a parte baixa e siga para o norte. Suba o elevador e siga ao norte para encontrar a porta de ferro do chefe, agora aberta. Recomendo que volte ao local de graça para descansar antes de entrar.

Sim, ele de novo. Mais uma vez, o que nos espera é o Espírito da Árvore Inflamada. Já sabe como é, invoque sua cópia e acabe com ele. Ao matá-lo, receberá a Semente Dourada #36 e o Sino: Catador de Lírio-do-Vale. Abra o baú para pegar Raízes da Morte, e então use o sinal para ir embora.

Volte para a Mesa Redonda para entregar os sinos. Depois, volte ao Santuário Bestial para entregar a Raiz da Morte ao Gurranq. Ele nos recompensará com a Arma: Grande Martelo da Garra de Leão. Já que estamos aqui no Santuário Bestial, vamos aproveitar para encararmos aquele monstrengo que fica do lado de fora do Santuário Bestial.

Este inimigo é um Companheiro da Lâmina Negra, idêntico ao que enfrentou lá nas Terras Proibidas, só que mais forte. Como ele começa de costas para nós, podemos preparar um bom ataque inicial. No meu Elixir Magnífico, eu equipo a Lâmina Oculta Cerúlea e a Bolha de Lágrima Opala. Tome o Elixir Magnífico, e ficará com mana infinita por alguns segundos e imune a um golpe. Aproveite para ficar atrás do chefe e carregar o feitiço Bólido Escuro. Solte o feitiço nele sem parar, até que ele venha para cima de você. Deverá conseguir tirar quase metade da vida dele só com esse feitiço carregado. Invoque a sua cópia e deixe que a cópia distraia o chefe enquanto mantém distância e solta feitiços. Seja persistente e cuidadoso, sempre correndo de seus golpes de sangramento quando ele vier em sua direção. Não o subestime, ele é um chefe muito complicado mesmo em níveis altos, principalmente por sua agressividade. Ao derrotá-lo, conseguirá a Arma: Lâmina Negra da Gárgula e a Arma: Alabarda Negra da Gárgula.

Agora volte para as Catacumbas da Montanha e saia do local. Terá de matar mais uma vez os monges de fogo e o Prelado. Vê a ponte fina de pedra ao norte? Teremos de atravessar essa ponte. No meio do caminho, se olhar à esquerda, verá um corpo sentado em uma cadeira, pegue Cinzas da Guerra Perdidas. Agora devemos continuar pela ponte, mas com cuidado. Se prestar atenção, verá um golem arqueiro do outro lado, pronto para disparar na gente. Você precisa seguir nessa ponte, mas usando as pedras como proteção no meio do caminho. Vá devagar, e de trecho em trecho, tentando não ser atingido. Quando atravessar a ponte, vá até o golem e acabe com ele. Pegue a Runa Dourada no corpo próximo a ele e depois siga para nordeste, destruindo o escaravelho no caminho para conseguir uma Pedra de Forja Sombria. Siga para nordeste e verá um arco do qual pode passar por baixo, passe e pegue 6 Algodões Macios. Suba nas pedras à direita e siga ao norte por cima do pilar caído. Vá para o norte e já verá um local de graça.

Antigo Vale da Neve

Ative o Local de Graça: Antigo Vale da Neve. Olhe só quem está por aqui, a Millicent! Fale com ela e ela dirá que está procurando um forte ao norte, que tem um medalhão capaz de acessar a Árvore Sacra. Pois bem. Vá para o leste até a beira do penhasco, e encontrará um corpo contendo 2 Pedras Vulcânicas Oxidadas. Volte para oeste e siga ao norte, e encontrará um golem, vá até ele e mate-o. Estará em um lago congelado que você pode seguir para leste ou para oeste. Siga primeiro o lago congelado para o oeste, mate os semi-humanos pelo caminho, e logo encontrará uma disputa entre semi-humanos e morcegos gigantes. Acabe com todos no local, siga mais a oeste e encontrará a Cabana do Herói Enlouquecido pela Guerra. Dentro da cabana, encontrará o Conjunto de Equipamentos: Donzela Viajante, composto pelo Capuz de Donzela Viajante, o Robe de Donzela Viajante, as Luvas de Donzela Viajante e as Botas de Donzela Viajante. Na pilha de destroços ao sul, pegue 3 Pedras de Aquecimento e uma Pedra de Forja. Um pouco a leste da cabana, encontrará o sinal de invasão para enfrentar um inimigo. Trata-se de um alvo de assassinato da Mansão Vulcânica, entre.

Irá enfrentar Juno Hoslow, Cavaleiro do Sangue. Este será, de longe, o mais difícil oponente desses assassinatos encomendados que viemos fazendo. Ele é muito rápido, e possui um chicote como arma. Chicotes são rápidos e causam sangramento. O plano de ataque dele é vir correndo e atacar antes que possa atacá-lo. Então, eu aconselho a usar a Espada Grande da Lua Sombria, mas não de perto. Banhe-a com o luar e use a Explosão de Luar para causar um bom dano a média distância. Escolha a hora certa para atacar, e conseguirá mantê-lo longe. Tome muito cuidado para não ser pego desprevenido por seus ataques, mantenha o escudo erguido. Quando finalmente conseguir derrotá-lo, receberá um Arco de Runa, um Remédio de Dedo Invocador Enrolado, a Arma: Chicote de Pétalas de Hoslow e o Conjunto de Equipamentos: Hoslow, composto pelo Elmo de Hoslow, a Armadura de Hoslow, as Manoplas de Hoslow e as Grevas de Hoslow.

Esse alvo que acabamos de matar foi o terceiro e último alvo da Tanith, lá da Mansão Vulcânica. Recomendo que volte para a Mansão Vulcânica e fale com a Tanith. Receberemos como recompensa o Talismã: Camafeu do Saqueador, que recupera a vida do usuário sempre que mata inimigos. Ela perguntará se queremos encontrar o Lorde Rykard. Aceite a proposta, e será teleportado diretamente para a sala do Lorde Rykard.

Caminho da Audiência

Ative o Local de Graça: Caminho da Audiência. Esse local terá apenas uma névoa amarela à frente. Mas antes, precisamos nos preparar. Trata-se de uma grande batalha, que irá exigir uma grande preparação.

O chefão que estamos prestes a enfrentar será diferente dos outros, então vamos nos preparar de forma diferente. Para começar, desequipe a espada e o cajado. Usaremos nenhuma dessas duas armas, e sim outra que ganharemos na sala mesmo. Como não usaremos magia, pode colocar todos os seus 14 frascos curativos como frascos de vida. Traga apenas o seu escudo, e equipe todo o conjunto de armadura do Sentinela da Árvore (não equipe a Coroa Pedrilhante da Bruxa, será inútil). Equipe os talismãs Selo da Ferida de Radagon, Bênção da Térvore +1, o Medalhão de Âmbar Carmesim +1 e o Talismã de Draco de Fogo +2. Queremos ter o máximo de vida possível e proteção contra o fogo. Agora sim, respire fundo e entre.

Rykard, Lorde Blasfemo

O inimigo da vez será a Serpente Devoradora de Deuses. Comece pegando a Arma: Caçador de Serpentes bem à frente. Equipe essa arma, ela não possui exigência de atributos e é uma arma razoavelmente boa, mas será imprescindível nessa luta. O chefe passa o tempo todo cercado por lava, o que torna difícil atingi-lo com golpes físicos de perto. Ele também é resistente a magia, tornando nossos feitiços pouco eficientes. Essa lança chamada Caçador de Serpentes possui um poder especial que só funciona quando estiver lutando contra serpentes gigantes: seus golpes atingem uma enorme área à frente, e ainda perseguem o alvo. Essa batalha será complicada de se lutar com outra arma. Com o Caçador de Serpentes, poderá atingi-lo com golpes físicos mesmo a média distância dele. Mire nele, fique à média distância e golpeie para que seu golpe vá até a serpente. Certifique-se de estar com escudo equipado também, ele será muito útil para aparar os golpes dele. Os golpes do chefe são fortes e atingem uma longa área, tome cuidado. Defenda-os ou esquive na hora certa. O golpe de agarrão dele precisa ser desviado. Não invoque sua cópia nessa batalha! Mantenha-se firme, causando dano de pouco em pouco, até derrotar o chefe.

Quando conseguir acabar com ele, a batalha ainda não terá terminado. Assista a uma cena, e então terá de enfrentar o verdadeiro chefe: Rykard, Lorde Blasfemo. Ele será muito, mas muito mais difícil do que a sua versão serpente. Seus golpes são mais imprevisíveis, e ele gosta de cuspir fogo ao seu redor e criar labaredas de fogo pelo cenário. Será ainda mais difícil encontrar um bom momento para atacá-lo. Por isso, precisará de ajuda! Invoque a sua cópia equipado com essa arma, e ele também virá com essa arma, sendo uma ajuda extraordinária no 2 contra 1. Deixe que o Rykard se preocupe com a sua cópia e foque-se em atacá-lo pelas costas. Só preste atenção em seu golpe de explosão e em seu golpe com o rabo, e só ataque quando ele estiver totalmente focado na sua cópia. Mantendo essa estratégia, não será muito difícil matá-lo. Se precisar de mais informações sobre a luta contra esse grande inimigo, assista o vídeo abaixo:

Ao derrotá-lo, receberá a Grande Runa: Rykard, a Lembrança: Não Conformista e ainda irá liberar um troféu:

Portador de Fragmento Rykard

Esse troféu será liberado quando derrotar Rykard, Lorde Blasfemo.

Vá e ative o Local de Graça: Rykard, Lorde Blasfemo. Volte a equipar todas as armas, equipamentos e talismãs que estava usando anteriormente. Próximo ao local, pegue a Túnica de Olho.

Agora volte para a Mansão Vulcânica e fale com a Lady Tanith. Ela irá agradecer pelos nossos feitos, e se despedirá. Quando descansar no local de graça, ela não estará mais aqui, e se for ao final do corredor a oeste, encontrará o Gesto: Meus Agradecimentos. Fale com Bernahl, e ele também irá embora. Mas ainda poderá comprar habilidades com a espada que ficará em sua cadeira (?), se quiser. Fale com Patches, e ele também irá embora. Depois que todo mundo for embora da Mansão Vulcânica, a Zorayas aparecerá na sala em que ela estava no início, perto de onde ficava no Bernahl. Fale com ela, e ela dirá que irá ficar no local até a Lady Tanith voltar. Ok. Descanse mais uma vez no local de graça e volte, e a Zorayas terá ido embora, deixando para trás o Talismã: Pesar de Daedicar, que aumenta o dano sofrido. Pois é, agora parece que a Mansão Vulcânica acabou.

Agora, volte ao local de graça Saguão do Castelão, que fica lá no Castelo Sombreado, na parte norte de Platô Altus. Foi onde enfrentamos Elemer. Volte pela ponte a leste e encontrará o Patches aqui, mas ele estará quase morrendo. Ele nos entregará o item Castanholas de Dançarina, e quer que a gente entregue esse item para a Lady Tanith. Ele então aparentemente morrerá, mas esse ainda não é o final da sidequest de Patches.

Volte para o local de graça Rykard, Lorde Blasfemo, e encontrará a Lady Tanith com o que restou do Lorde Rykard. Ela estará devorando os restos dele, para ser mais exato. Fale com ela e dê as Castanholas de Dançarina. Isso não avançará a sidequest dela, e até o momento não se sabe exatamente se ela faz algo além disso. Ela não possui mais serventia para nós, então mate-a. Ao matar a Lady Tanith, seremos invadidos imediatamente pelo protetor dela, o Ordovis do Crisol. Ele luta como um Cavaleiro do Crisol, mas muito mais forte. Use feitiços de perseguição e mantenha distância dele. Ao acabar com ele, receberá o Encantamento: Aspectos do Crisol: Sopro. Então, pegue no corpo de Lady Tanith o Conjunto de Equipamentos: Consorte, composto pela Máscara de Consorte, o Traje de Consorte e as Calças de Consorte. E assim terminamos a sidequest de Lady Tanith.

Agora, volte lá para a Caverna da Ala do Mausoléu, lá em Limgrave. Essa é a Caverna em que Patches apareceu pela primeira vez. Vá até a sala em que conheceu Patches, e verá uma névoa amarela. Entre na sala do chefe e pegue 3 Fragmentos de Vidro no baú. Então, o Patches aparecerá mais uma vez. Pois é, o Patches não morreu, mas não o ataque. Após desferir um golpe, ele perceberá que é você, e se renderá. Espere que ele se renda, e então receberá o Gesto: Agachamento de Patches. Fale com ele, e ele estará amigável. Agora, equipe o gesto Implorar por Misericórdia, um gesto que recebeu do próprio Patches no começo do jogo. Com esse gesto equipado, bata no Patches para iniciar um confronto. Deixe que o Patches te bata até tirar mais da metade de sua vida, e então o Patches dirá que, se você pedir perdão, ele te perdoa. Nesse momento, use o gesto Implorar por Misericórdia. Patches irá parar de lutar e nós receberemos o Gesto: Arrependimento Extremo. Caso ele não pare de te bater, volte para o local de graça para que ele se acalme. Agora sim, esse será o final da sidequest dele. A partir de agora, o Patches ficará sempre aqui nessa caverna, vendendo seus itens.

Agora, vamos voltar para um local muito improvável: Jarrosburgo. Lembra-se desse vilarejo onde moram os jarros vivos? Onde conheceu a Criança Jarro? Fica lá na parte leste de Liurnia dos Lagos, perto do Salão de Estudos Cariano. Volte para lá, e fale com a Criança Jarro. Fale com ele até ele falar sobre o Diallos. Talvez precise descansar no local de graça algumas vezes. Porém, mais cedo ou mais tarde, a Criança Jarro irá mencionar o Diallos. Diallos estará em uma cabana no canto sudeste do vilarejo, vá e fale com ele. Após sua experiência como mercenário, ele desistiu de ser guerreiro e de sua vingança, e resolveu virar um jarrista. Agora, você precisa descansar no local de graça diversas e diversas vezes, até ver um cenário bem diferente. O vilarejo terá sido atacado por um caçador, e verá os jarros vivos ao redor completamente destruídos. Fale com a Criança Jarro e ele dirá que o vilarejo foi atacado, mas foi salvo pelo Diallos. Diallos estará um pouco mais adiante, mortalmente ferido. Ele nos perguntará se ele conseguiu proteger os jarros vivos, responda que sim. Ele ficará feliz, mas morrerá em seguida. Descanse novamente no local de graça, e a Criança Jarro estará se alimentando do corpo de Diallos para absorver sua força. Descanse uma última vez, e então poderá pegar itens no local onde estava o corpo de Diallos. Pegará a Máscara de Diallos, a Arma: Chicote de Pétalas de Hoslow (já temos uma igual) e uma Runa de Numen. Este é o triste final da sidequest de Diallos. Repare que a sidequest da Criança Jarro ainda não acabou, mas a sequência virá só bem mais tarde. Podemos ir embora daqui.

Agora volte ao local de graça Torre Divina de Altus Oeste: Portão, que fica ao sul de Leyndell. Agora que temos a Grande Runa de Rykard, poderá abrir o portão. Entre e suba pelo elevador, e sairá diante de mais um local de graça.

Torre Divina de Altus Oeste

Ative o Local de Graça: Torre Divina de Altus Oeste. Continue subindo até o topo da torre divina, e conseguirá restabelecer o poder original da Grande Runa: Rykard. Essa runa, quando equipada e ativada, permite restaurar vida quando ataca oponentes. Eu ainda considero a Grande Runa de Godrick muito melhor no momento, então não pretendo usar a Grande Runa de Rykard.

Volte para a Mesa Redonda, e para a Leitora de Dedos. A Lembrança do Não Conformista pode ser trocada pela Arma: Lâmina Blasfema ou pelo Feitiço: Rancor de Rykard. Escolha o que quiser, ou se quiser ambos, duplique a lembrança. Eu recomendo que não duplique essa lembrança.

Vamos continuar com o jogo. Volte para o local de graça Antigo Vale da Neve, lá na Montanha dos Gigantes, e siga de volta pelo lago congelado para oeste até a Cabana do Herói Enlouquecido pela Guerra. Vá para o sul da cabana e suba pela fonte espiritual. Vá para nordeste até o ponto mais alto do local, e encontrará as Ruínas do Observador de Estrelas. Vá e mate os morcegos gigantes. Vá para o leste, e encontrará uma Água-Viva falante e amistosa. Ela quer muito reencontrar uma irmã dela perdida. Nós temos a irmã dela conosco! Lembra-se daquele espírito de água-viva que a Roderika nos deu como invocação? Equipe as Cinzas de Espírito de Água-Viva e invoque-a aqui. Se já tiver invocado outra invocação, é só sair do jogo e voltar que poderá invocar outra coisa. Ao invocar a irmã da água-viva aqui presente, ela agradecerá e ambos irão partir, e irá receber o Gesto: Giro Elegante. Calma, a invocação continua com você, podendo ser invocada novamente se quiser. Desça a tumba subterrânea defronte, abra a porta e pegue o Talismã: Lâmina de Pedrilhante Primordial no baú. Esse talismã reduz o custo de magia do usuário mas também reduz a vida. Saia da tumba subterrânea e siga a leste. Mate mais morcegos gigantes e pegue 2 Sebos Congelantes.

Agora vá para o oeste até a beira do penhasco e veja que há um caminho que vai descendo. Vá descendo e seguindo para o sul, acompanhando a beira do penhasco, e encontrará um Mercador Eremita. Os itens mais úteis que ele vende são 3 Arcos de Runa, 3 Chaves de Espada de Pedra e o Livro de Receitas: Missionário. Compre tudo o que puder, depois faça todo o caminho de volta para o norte, e verá uma ponte que segue para o norte. Ignore essa ponte e siga para o sul, até ver uma ponte que segue para o sul. Encontrará o Irmão Corhyn e o Máscara de Ouro aqui nessa ponte. Fale com Corhyn, e ele estará muito desconfiado das intenções do Máscara de Ouro, que veio descobrindo segredos alarmantes sobre a Ordem Áurea. Pouco mais adiante, pegue Pedra de Forja Sombria. Após atravessar a ponte, vire à direita, mate os semi-humanos abaixo e pegue a Runa Dourada. Agora siga em frente, pela estrada, matando os semi-humanos, e chegará à Térvore Menor. No lado oeste da Térvore, encontrará alguns semi-humanos e um galho fino que segue para fora do penhasco, contendo um Arco de Runa, pegue e volte. O defensor da Térvore estará te esperando na parte leste da Térvore, prepare-se e vá para lá.

Terá de enfrentar mais um Avatar da Térvore, porém, este terá uma novidade! Quando ele perder metade da vida, ele irá chamar uma cópia dele! Invoque a sua cópia também, e deixe que ela cuide dos dois enquanto mantém distância e solta feitiços. Assim que matar o original, a cópia também morre, então foque-se no original (o que não está brilhando de forma amarelada). Ao derrotá-lo, conseguirá a Lágrima de Cristal Cerúlea e a Bolha de Lágrima Carmesim.

Agora siga para o norte e atravesse a ponte seguindo para noroeste. Assim que atravessar a ponte, sairá em um cemitério com algumas lesmas, mate-as e vire à direita. Vire novamente ao sul, e encontrará um local de graça.

Penhasco do Vale das Ruínas

Ative o Local de Graça: Penhasco do Vale das Ruínas. Agora siga para o oeste, e já verá um aviso de que seu Olho da Fera estremece. Encontrará uma Runa Dourada no meio do caminho, mas tome cuidado, pois um esqueleto gigante aparecerá para protegê-lo. Se olhar na beirada ao norte, verá um velho conhecido lá embaixo.

Será um Marinheiro de Tíbia. Poderá acertá-lo daqui de cima facilmente com magias, e matá-lo sem problemas, ou pode descer e enfrentá-lo de perto, o que também não será muito difícil. Ao derrotá-lo, receberá a Arma: Campanário de Helphen e uma Raízes da Morte.

Continue pelo caminho a oeste e pegue mais algumas Runas Douradas. Continue para oeste até ver uma descida ao norte. Desça e já vire à esquerda. Se continuar a oeste, e estiver de noite, será atacado por mais um chefe.

Trata-se de um Pássaro do Rito Fúnebre, uma versão mais forte e mais fatal do Pássaro da Morte. Além de mais forte e mais resistente, esse ainda consegue invocar almas para nos perseguir. Fora isso, é o mesmo de sempre. Invoque sua cópia para distraí-lo enquanto fica de longe soltando feitiços. Quando acabar com ele, receberá a Arma: Lança do Ritual da Morte.

Siga até a beira oeste do local e encontrará Fragmentos de Luz Estelar perto do astrolábio de pedra. Agora siga para leste, e passará por uma área com vários raios caindo. Passe com cuidado e logo verá mais um Mausoléu Andante. Vá até as pernas do ser e destrua a corrupção presente em suas pernas. Após destruir boa parte da corrupção, ela irá sucumbir e liberar o Mausoléu #6. Não o usaremos no momento, no entanto. A sudeste daqui, encontrará a entrada de um enorme castelo e um local de graça.

Portão Principal do Castelo Sol

Ative o Local de Graça: Portão Principal do Castelo Sol. Antes de qualquer coisa, não se esqueça de voltar ao Gurranq lá no Santuário Bestial e entregar a Raiz da Morte para ele, para receber o Encantamento: Garra de Fera de Gurranq.

Antes de entrar no castelo propriamente dito, primeiro siga para o sul do castelo e vá dando a volte pelo lado externo dos muros até a parte leste do castelo. Irá encontrar algumas tumbas abertas com Runas Douradas. Depois, siga dando a volta no castelo pela parte norte, matando alguns falcões da tempestade, e pegue uma Pedra de Forja Sombria ao final do caminho. Agora sim, vamos entrar no castelo.

Logo no pátio inicial do castelo, já encontrará dois Leões Gigantes. Bem, já deverá ser relativamente fácil enfrentá-los a essa altura, com o tanto de feitiços e recursos que temos. Invoque sua cópia para distraí-los e fique na retaguarda só soltando feitiços de perseguição naquele que se aproximar. Cada um deles que matar dará uma Pedra de Forja Sombria, um Sangue de Fera e 2 Presas Antigas. Depois que limpar a área, vá para o sul e pegue uma Runa Dourada. Siga para o leste e pegue uma Pedra de Forja embaixo da plataforma de madeira. Agora vá para o norte, passe pelas barricadas e suba a escada. Siga em frente indo para o leste e pegue o Remédio de Dedo Invocador Enrolado debaixo da ponte. Volte e entre na porta aberta ao lado. Mate as várias lesmas no local e pegue a Borboleta Nascente. Suba a escada vertical ao lado até o topo da torre e pegue 5 Adagas em Leque. Siga para oeste e tome cuidado com o exilado fantasma lançando bombas de fogo na outra torre, mate-o com magia. Siga pela plataforma à frente. Pegue a Runa Dourada com muito cuidado, porque haverá um exilado fantasma operando uma balista no final do corredor. Espere ele disparar e corra na direção dele para matá-lo com magia. Vá até onde ele estava e terá que atravessar uma ponte de madeira a leste, com outro exilado fantasma operando outra balista. Corra, suba até onde ele está e mate-o. Pegue a Pedra de Forja e desça a escada vertical ao lado. Pegue a Pintura: “Feiticeiro” ao lado e abra a porta. Do lado de forte, mate os lobos e siga para o leste. Vá para o sul, mate o falcão da tempestade lá em cima, então pegue 3 Bolus de Descongelamento. Siga para sul, oeste e depois norte para pegar 5 Sebos Congelantes em um corpo no final da plataforma de madeira. Volte e siga para o norte. Mate os lobos e siga em frente e entre na porta ao final. Siga em frente e entre na porta ao final. Suba a escada e saia do outro lado. Começará a enfrentar exilados fantasmas. Suba a escada à esquerda, mate mais exilados fantasmas e pegue a Runa Dourada. Desça e siga para o sul. Será encarado por um Cavaleiro Banido fantasma, e conseguirá o Escudo: Escudo do Cavaleiro Banido ao derrotá-lo. Suba a escada adiante e vire à esquerda. Mate o exilado fantasma e pegue o Bolus de Descongelamento. Suba a escada vertical ao lado. Siga ao sul para pegar uma Pedra de Forja, e então vá para o norte e pegue uma Runa Dourada. Mais ao norte, verá uma ponte de madeira, atravesse-a com cuidado, pois há lobos e um Cavaleiro Banido fantasma do outro lado. Suba a escada ao lado e pegue a Chave de Espada de Pedra. Faça todo o caminho de volta até a escada vertical e desça. Entre na porta aberta ao sul.

Igreja do Eclipse

Vire à esquerda e ative o Local de Graça: Igreja do Eclipse. Vá até o altar da igreja e pegue a Arma: Shotel do Eclipse. Entre na porta à esquerda e siga à direita. Mate o exilado fantasma atirando do outro lado. Suba a escada vertical e mate mais um exilado fantasma. Siga em frente, dando a volta na torre, e ataque o Cavaleiro Banido fantasma lá embaixo com magia antes de descer a escada vertical. Muito cuidado ao enfrentá-lo nesse local estreito. Depois de matá-lo, vá até o final do corredor e pegue o Talismã: Medalhão de âmbar Cerúleo +1, que aumenta a mana máxima. Volte para a igreja e entre na porta defronte. Mate vários albináuricos no local e suba a escada. Pegue a Pedra de Forja e suba a escada com cuidado, pois haverá Cavaleiros Banidos lá em cima. Saia para o pátio e acione a alavanca, criando um atalho direto para o primeiro andar. A névoa amarela do chefão da fase estará bem defronte. Antes de entrar, um pouco de preparação. Já deverá estar no mínimo nível 100, de preferência 105 para essa batalha. Equipe o Talismã de Draco Elétrico +1 no quarto campo de talismãs e seu melhor equipamento. Um inimigo dificílimo nos espera, mesmo no nosso nível atual. Se ainda assim for difícil para você, saiba que pode deixar para enfrentá-lo mais tarde, quando estivermos ainda mais fortes, ou pedir ajuda online. Seja como for, quando se sentir preparado, vamos em frente.

Terraço do Castelo Sol

Irá enfrentar o poderoso Comandante Niall. Ele começa a batalha invocando dois Cavaleiros Banidos fantasmas para ajudá-lo, e isso pode ser um grande problema. Comece invocando a sua cópia para começar a equilibrar as coisas, e foque-se em um dos cavaleiros banidos. Se usar o golpe especial de Explosão de Luar da espada, poderá acabar com um dos Cavaleiros Banidos bem rapidamente. Depois, foque-se no outro Cavaleiro Banido. Se você acha que tudo ficará mais fácil quando o Comandante Niall estiver sozinho, está errado. Quando ele estiver sozinho, Comandante Niall irá assumir a sua segunda forma, muito mais poderosa. Agora banhado com ataques elétricos, ele possui novos e intensos ataques de área, sendo plenamente capaz de te matar com apenas um golpe de pulo, se não estiver defendendo e muito protegido contra dano elétrico. Por isso recomendei que equipasse o talismã de proteção contra dano elétrico, ele será crucial para a sobrevivência. Mas o ideal, claro, é conseguir esquivar na hora certa. Mantenha distância do Comandante Niall e lance feitiços contra ele. Aproveite quando ele se focar na sua cópia e cause o máximo possível de dano nele. Mas, devido ao dano absurdo que ele causa, até a sua cópia não deverá durar muito. Será uma batalha demorada, mas se manter a estratégia, conseguirá vencê-lo. Se precisar de dicas, assista o vídeo abaixo:

Ao derrotá-lo, conseguirá a Arma: Prótese de Veterano e irá liberar um troféu:

Comandante Niall

Esse troféu será liberado quando derrotar o Comandante Niall.

Ative o Local de Graça: Terraço do Castelo Sol. Não é tudo! Siga para o norte e entre na porta à direita. Suba o elevador e suba a escada até o alto da torre. Aqui, encontrará o grande tesouro do castelo, o Medalhão Secreto da Árvore Sacra (Esquerda). Agora sim, teremos explorado o Castelo do Sol em toda a sua extensão e estamos prontos para ir embora daqui.

Volte para a Mesa Redonda, e fale com a Leitora de Dedos Enia. Depois de ter derrotado o Comandante Niall, estará disponível para compra na loja o Conjunto de Equipamentos: Veterano, contendo o Elmo de Veterano, a Armadura de Veterano, as Manoplas de Veterano e as Grevas de Veterano. Esse conjunto de armadura pesa a mesma coisa que o conjunto de Sentinela da Árvore, mas ele protege mais! Recomendo fortemente que compre esse conjunto e passe a usá-lo de agora em diante. Recomendo que use o conjunto completo, inclusive com o capacete, para ter uma excelente proteção contra dano e um bom equilíbrio também. Não precisará mais usar a Coroa Pedrilhante da Bruxa, a menos que queira muito ou precise do aumento em Inteligência e Arcano.

Agora volte para o local de graça Antigo Vale da Neve. Vá para o norte até o lago congelado e siga o lago congelado para o leste, matando alguns semi-humanos e golems pelo caminho. Ao final do lago congelado, mais um golem se erguerá. Depois de abatê-lo, siga para o sul, pelo desfiladeiro, e pegue a Semente Dourada #37 na árvore dourada. Volte ao lago e vá para o norte. Suba na parte alta e encontrará outro local de graça.

Lago Congelante

Ative o Local de Graça: Lago Congelante. Bem ao lado, verá uma luneta. Siga para sudeste daqui, e verá um lago congelado em toda a sua extensão. Comece a seguir na direção sudeste por esse lago congelado. Em pouco tempo, estará envolto em uma densa névoa que te impedirá de ver o que está em volta. Prepare-se, é hora de um chefão.

Irá encarar Borealis, a Névoa Congelante. É um dragão, como todos os outros, só que muito mais forte. Basta uma baforada de gelo dele para acabar com você. O seu cavalo e a sua cópia serão vitais nessa batalha. Invoque sua cópia e jamais fique muito perto dele, ou na frente dele. Fique sempre do lado dele, a média distância, soltando feitiços. Deixe que sua cópia o distraia, enquanto lançar feitiço atrás de feitiço nele. É a maneira mais segura de enfrentá-lo, apenas tome cuidado com seus golpes de rabo. Ao derrotá-lo, conseguirá um Coração de Dragão. Um novo poder estará disponível na Catedral da Comunhão do Dragão, em Caelid: o Encantamento: Névoa de Borealis, só que precisa de dois Corações de Dragão para comprar, e só deverá ter um no momento.

Agora vá para a extremidade sudeste do lago congelado e logo encontrará uma caverna bloqueada por um mecanismo que exige 2 Chaves de Espada de Pedra, use-as e entre na caverna.

Caverna do Invocador de Espíritos

Ative o Local de Graça: Caverna do Invocador de Espíritos. Essa caverna é muito escura. Na sala seguinte, há um piso falso bem adiante, cuidado para não cair. Siga pelo túnel ao sul. Já encontrará um tipo curioso de inimigo: as lesmas invocadoras. Repare que os animais fantasmas que aparecem renascem quando morrem, porque são constantemente invocados. Você precisa focar seus esforços em matar a lesma invocadora, só assim os animais fantasma morrerão definitivamente. Depois de matar a lesma invocadora, desça e pegue 5 Folhas de Artéria no local. Continue pelo túnel, e verá uma bifurcação, siga primeiro para a esquerda e pegue uma Runa Dourada, uma Runa do Herói e um Arco de Runa. Volte e siga pelo outro caminho para chegar a uma plataforma em que será invadido por Inaba, Discípulo de Okina. É um oponente feroz, eu recomendo que primeiro mate a lesma invocadora que fica lá embaixo para facilitar a batalha, ou pode preferir enfrentar o Inaba mesmo. Se for enfrentar o Inaba, use o poder Explosão de Luar da sua Espada Grande da Lua Sombria para mantê-lo afastado enquanto causa dano. Ele não renasce ao morrer, então vale a pena encará-lo com calma. O túnel a noroeste não possui nada, só uma lesma invocadora, então desça, mate a lesma invocadora e pegue 2 Sebos Congelantes e uma Runa Dourada. Seguindo ao sul, virá uma parte complicada. Há um monte de lobos aqui, e outro Inaba, Discípulo de Okina. Acontece que, para acabar com o renascimento dos lobos, terá de matar não uma, mas duas lesmas invocadoras. Recomendo que corra para atrair pelo menos o Inaba e mate o Inaba afastado dos lobos. Então, avance com cuidado, matando os lobos fantasmas com magias até encontrar as duas lesmas invocadores escondidas entre a folhagem. Acabe com elas para ficar livre dos lobos, e então procure pela área por uma Carne-Seca Branca Revigorante, uma Runa Dourada e o Conjunto de Equipamentos: Assassino, composto pela Armadura de Assassino, as Manoplas de Assassino e as Grevas de Assassino. Siga em frente pelo túnel e já sairá diante da névoa amarela, respire fundo e entre.

Irá enfrentar o fantasma do Apóstolo da Pele Divina. O fantasma se comporta como o original, mas é um pouco mais fraco. Não o subestime só por ser fantasma e por saber como ele luta. Invoque a sua cópia e deixe que ele distraia o Apóstolo enquanto ataca por trás. Essa luta será bem longa, então de preferência use a Explosão de Luar da sua espada para economizar mana. É preciso ser econômico nessa luta, não desperdice mana. Quando o Apóstolo da Pele Divina morrer, virá um novo chefe logo em seguida:

Agora terá de enfrentar o Nobre da Pele Divina, a versão gorda e roliça do Apóstolo da Pele Divina. Mantenha a estratégia de economizar mana, pois não pode correr o risco de acabar a mana no meio da batalha. Use Explosão de Luar e um ou outro feitiço de perseguição quando puder, se sobrar mana. Tenha cuidado com os golpes dele e tome muito cuidado. Quando matá-lo, não comemore ainda, pois a luta não acabou. Logo o terceiro e definitivo oponente aparecerá:

Para finalizar, só resta a Lesma Invocadora de Espíritos, aquela que invocou os outros dois. Saque sua espada, corra até ela e mate-a rapidamente, ela é fraca contra golpes físicos.

Quando derrotá-lo, conseguirá o Talismã: Bandagem da Pele Divina, que restaura vida com ataques sucessivos, e o Encantamento: Ritual da Chama Negra. Use o sinal para ir embora daqui.

Volte ao local de graça Lago Congelante e comece a percorrer a borda oeste e norte do lago congelado. Ao norte do lago congelado, em uma parte alta na beira do penhasco, encontrará um corpo com uma Runa Dourada. Cuidado com as lagostas gigantes que habitam a beira do lago congelado. Agora vá até a extremidade sul do lago congelado, onde há uma Pedra de Forja Sombria protegida por uma lagosta gigante. Só pegue o item e corra, nem precisa matar a lagosta gigante. Continue indo para a extremidade sudeste do lago congelado e encontrará uma ruína de igreja, pegue o Sino: Minerador de Pedra Sombria no corpo na entrada e entre.

Primeira Igreja de Marika

Ative o Local de Graça: Primeira Igreja de Marika no interior da igreja. Poderá conversar com a Melina aqui, e obter maiores informações sobre o local. Bem à frente, pegue a Lágrima Sagrada #11 no altar. Agora poderemos aumentar o potencial curativo dos nossos frascos curativos para +11!

A orientação da graça aponta para oeste, então é para lá que temos que ir. Siga a estrada para oeste, e encontrará uma série de tumbas abertas, protegidas por cachorros. Mate os cachorros e pegue as várias Runas Douradas pelo local. Suba pela fonte espiritual por perto e sairá bem do lado do Cárcere Perpétuo do Lorde Competidor. Prepare-se e aceite o desafio.

Irá enfrentar o Vyke, Cavaleiro da Mesa Redonda. Ele é incrivelmente simples, até porque já o enfrentou anteriormente, lá em Liurnia dos Lagos, com o nome um pouco diferente (Vyke dos Dedos Fétidos, foi ele que nos deu a Uva Dactilar). Trata-se de um guerreiro simples com uma lâmina, que usa golpes elétricos. Tudo o que você precisa fazer é manter distância e usar feitiços de perseguição. Ele ficará mais tempo tentando (em vão) desviar de seus feitiços do que vindo para cima de você. Continue soltando feitiços de perseguição e curando mana quando acabar. Ele irá se curar quando perder metade da vida, mas apenas uma vez. Continue com a estratégia e ele não terá chance contra você. Ao derrotá-lo, conseguirá o Encantamento: Seta de Dragão de Vyke e o Conjunto de Equipamentos: Brasão de Dedo, composto pelo Elmo de Brasão de Dedo, a Armadura de Brasão de Dedo, as Manoplas de Brasão de Dedo e as Grevas de Brasão de Dedo.

Não vamos continuar daqui, vamos dar a volta. Primeiro, volte ao local de graça Penhasco do Vale das Ruínas. Daqui, siga para o leste e verá um cemitério. Acompanhe a beirada sul do penhasco e encontrará uma ponte quebrada onde há alguns esqueletos arqueiros. Suba e equipe uma tocha. A ponte não está verdadeiramente quebrada, e sim invisível. Com a luz da tocha, deverá conseguir enxergar a ponte invisível. Vá seguindo por essa ponte invisível e logo chegará à Torre Pedrilhante Herética, entre na torre e mate os soldados avionetes lá dentro. Suba a escada e suba o elevador. Cuidado com a escada externa, pois haverá um soldado marionete te esperando. No alto da torre, abra o baú e conseguirá o Feitiço: Chuva de Estrelas Fundadora, um feitiço lendário bem útil. Ao pegá-lo, irá liberar um troféu se veio seguindo o guia até aqui:

Feitiços e Encantos Lendários

Esse troféu será liberado quando obter todos os feitiços e encantamentos lendários.

Agora vá até o andar térreo e saia da torre. Vá para a parte oeste da torre e pegue 5 Presas Antigas em um corpo protegido por soldados avionetes. Agora vá para o sul da torre, e então vá para oeste até a beira do penhasco e siga para o norte para pegar 2 Bolus de Descongelamento em um corpo ao lado de mais soldados avionetes. Continue seguindo a estrada ao sul, matando os soldados marionetes pelo caminho. Se derrubar os balões no ar, conseguirá uma Runa Dourada por cada balão. Continue seguindo a estrada ao sul, e verá um pequeno acampamento destruído à sua esquerda. Cheque o corpo no local e encontrará 5 Setas Grandes Explosivas. Se olhar para o leste, verá o Cárcere Perpétuo do Lorde Competidor que encaramos anteriormente. Perceba que demos a volta no local. Vá para sudoeste daqui, seguindo o caminho até encontrar mais um local de graça.

Estrada do Cerro Branco

Ative o Local de Graça: Estrada do Cerro Branco. Siga para sudoeste, e encontrará diversos monges de fogo, a maioria de costas para você. Invoque sua cópia para auxiliar em batalha e avance furtivamente por entre as barricadas, matando um por um. Há um grupo de monges de fogo à esquerda, acompanhado de um Prelado, mate-os e pegue a Chave de Espada de Pedra. Daqui, vá para noroeste, matando mais monges de fogo, e verá a entrada da Guarnição dos Guardiões. Entre e mate alguns cachorros e monges de fogo. Saia pela porta do outro lado e vá para a esquerda para pegar uma Runa Dourada. Volte para dentro da guarnição e vá para sudoeste. Mate alguns ratos e pegue 6 Borboletas Latentes no corpo. Desça e vá para o canto sudoeste, onde encontrará a escada vertical que leva ao topo da plataforma de madeira. Siga em frente, matando os guardiões da chama pelo caminho, e pegue a Pedra de Forja no telhado ao final. Volte para sudoeste acompanhando o parapeito da direita, e encontrará um trecho quebrado. Suba no parapeito e desça na plataforma de madeira na parte exterior. Assim que subir na parte de pedra, vire à esquerda e mate os cachorros na torre.

Será atacado pelo Guardião Chefe Arghanty, que é só um pouco mais forte do que os guardiões da chama comuns. Use feitiços de perseguição contra ele e acabe com ele. Receberá o Escudo: Escudo de um Olho como recompensa pela vitória.

Vá até a torre do outro lado e suba a escada vertical. Abra o baú de tesouro no alto da torre para pegar o Livro de Orações do Gigante. Descendo da torre, olhe para a direita e verá um parapeito quebrado. Desça na plataforma externa de madeira e siga pulando para as outras plataformas de madeira a sudeste para pegar 5 Borboletas Latentes. Pule de volta para dentro pelo outro quebradiço do parapeito e saia da Guarnição dos Guardiões por onde entrou. Continue seguindo para sudoeste, e pegue a Runa Dourada. Mate mais monges de fogo pelo local. Encontrará uma ponte na forma de corrente que atravessa um desfiladeiro indo na direção sul, atravesse-a.

Lápide do Gigante

Sairá do lado do Local de Graça: Lápide do Gigante, ative-o e já pegue o Mapa: Montanha dos Gigantes, Leste no monólito ao lado. Agora podemos ter uma noção melhor dos nossos arredores! O caminho da graça aponta para o sul, siga para sudoeste e estará no Pico da Chama. Siga em frente e encontrará um novo tipo de inimigo: os trolls macacos. Bem, são trolls, seus golpes são os de trolls convencionais, mas com a mobilidade de macacos gigantes. Tome muito cuidado com esses golpes, eles possuem um alcance incrível. Há um pouco de tudo aqui também: encontrará mãos aranhas, cachorros gigantes, corvos gigantes… A mobilidade do Torrente será essencial aqui. Siga na direção sudoeste e pegue 5 Adagas em Leque e 2 Pedras de Aquecimento com os corpos. É tanto inimigo junto que eles começarão a brigar por território. Colina acima, começará a ver trolls macacos brigando com corvos gigantes, por exemplo. Tente passar desapercebido por esses conflitos e siga na direção sudoeste. Chegando à beira oeste do penhasco, siga para o sul, sempre acompanhando a beira do penhasco, onde há menos inimigos. No alto da colina a sudoeste do local, encontrará as ruínas de uma igreja.

Igreja do Repouso

Ao chegar perto da Igreja do Repouso, será invadido pelo Dedos Sangrentos Okina, um inimigo feroz mais simples de matar. Ele usará poderosos golpes de sangramento, mantenha-se longe dele enquanto lança feitiços de perseguição e estará bem. Ao eliminá-lo, receberá a Máscara de Okina e a Arma: Rios de Sangue, uma das armas preferidas dos fãs do efeito sangramento. Entre na igreja, ative o Local de Graça: Igreja do Repouso e pegue a Lágrima Sagrada #12 no altar. Essa é a última Lágrima Sagrada do game, e com ela poderá aumentar a eficiência dos frascos curativos para +12, que é o máximo possível. Daqui da igreja, siga para oeste e verá um monte de pedras com um crânio de gigante na parte superior. Suba o monte de pedras e mate os corvos gigantes no local, então pegue a Pedra de Forja de Dragão Ancião dentro do crânio. Essa pedra de forja é capaz de elevar uma arma comum até o seu nível mais alto. Como nossa Espada Grande da Lua Sombria usa pedras de forja especiais, não poderá melhorá-la ao nível +10. Agora vá para a beira do penhasco a sudoeste, e encontrará uma fonte espiritual que o levará até o alto de um monte de pedras a nordeste. Lá em cima, encontrará a Cinza da Guerra: Rugido do Troll.

Volte ao local de graça Lápide do Gigante e, desta vez, siga para oeste mas acompanhando a beira norte do penhasco. A ideia é descer, e não subir. Mantenha-se beirando o penhasco e atrairá a atenção de poucos inimigos. Quando chegar à parte mais baixa à oeste, haverá bem poucos inimigos no local. Olhe para as pedras à esquerda e encontrará 2 Sebos Sagrados com Cordão, mas tome cuidado pois eles estarão protegidos por mãos aranhas gigantes. Continue seguindo para oeste até a beira do penhasco e pegue Pedra de Forja Sombria em um corpo protegido por mãos aranhas. Vá até a beira do penhasco mais a oeste e aparecerá uma mão aranha gigante, pule para o outro lado do penhasco e poderá matar a mão aranha gigante tranquilamente. Siga para oeste no outro monte de terra e neve e verá uma construção à frente.

Túmulo do Herói Conquistador de Gigantes

Entre e desça o elevador para sair diante do Local de Graça: Túmulo do Herói Conquistador de Gigantes. Pois é, já sabe o que te espera, essa é mais uma dungeon horrível. Bem, logo adiante verá uma passagem bloqueada por um mecanismo que exige uma Chave de Espada de Pedra, entre e pegue o Encantamento: Chama, Proteja-Me. Depois volte, siga em frente e mate o monge do fogo. Mais adiante, já encontrará um Cão de Guarda Fúnebre da Térvore e algumas sombras de demônios com presas. Como eles estão no modo sombra, terá de primeiro atrai-los para a luz, subindo as escadas a oeste, para depois poder matá-los. A área embaixo da escada não possui nada de muito relevante, então siga pelo túnel ao sul e tome cuidado com o totem de fogo. Desative-o com uma flechada de longe. Há um monge de fogo do lado direito, tome cuidado. Siga em frente pelo outro túnel e mate mais um monge de fogo. Antes de seguir em frente, lance uma flecha para ativar o totem de fogo de novo, depois suba a escada e pegue o Sebo Congelante. Encontrará outro mecanismo que exige uma Chave de Espada de Pedra, use-a e entre na passagem. É preciso que o totem de fogo lá embaixo esteja ativado, pois só assim conseguirá que apareça uma luz aqui na parte superior. Essa luz será necessária porque, se seguir ao final do corredor revelado ao norte, encontrará três sombras de demônios com presas que exigem a luz para serem mortos, esteja ciente disso. Depois de matá-los, pegue a Arma: Castiçal Sagrado, depois siga para o sul e desça o elevador.

Agora acione o elevador novamente, mas não esteja nele. Isso irá trazer uma luz para o local. Acione a alavanca para abrir o portão a leste. Há uma sombra de troll lá na frente, atraia-o para a luz e depois mate-o. Quando o derrotar, a porta de ferro do lado leste irá abrir, mas não vamos para lá ainda. Suba no parapeito ao lado de onde o troll estava, e verá um Prelado lá embaixo, mate-o daqui de cima com magias. Depois de matar o Prelado, desça e pegue o Selo: Selo do Gigante. Vá pelo túnel sul e desça a escada vertical. Sairá em um corredor com duas sombras de Cães de Guarda Fúnebres da Térvore. Não terá como enfrentá-los, apenas corra deles até o lado oeste e suba a escada vertical ao final. Irá voltar para a sala lá em cima, perto da porta de ferro do chefão. Entre e siga em frente até a névoa amarela. Respire fundo e entre.

Irá enfrentar o Antigo Herói de Zamor. Esse inimigo já era extremamente fácil quando o enfrentamos tempos atrás, e agora, com o nosso nível atual, ele chega a parecer patético. Invoque a sua cópia e deixe-a atrair a atenção do chefe enquanto você fica de longe soltando feitiços de perseguição. Ele é bem lento, então dá tempo de você carregar bastante o feitiço de perseguição, causando dano máximo. Ele não é muito resistente, deverá morrer logo. Se você precisar de alguma ajuda para chegar até essa dungeon, atravessar a dungeon ou enfrentar o chefe, veja esse vídeo:

Ao derrotá-lo, conseguirá a Arma: Espada Curva de Zamor e o Conjunto de Equipamento: Zamor, composto pela Máscara de Zamor, a Armadura de Zamor, os Braceletes de Zamor e as Faixas de Perna de Zamor. Use o sinal para sair dessa dungeon.

Agora volte para a Igreja do Repouso. Siga reto na direção leste, e verá uma grande pilha de pedras com uma estátua de gigante no topo. Se olhar lá para cima, verá um escaravelho, mas se tentar subir, ele irá sumir, então lance uma flecha nele para matá-lo daqui de baixo e conseguirá uma Pedra de Forja Sombria. Do lado leste dessa pilha de pedras, encontrará um corvo gigante no topo de um corpo com um item. É um engodo, pois uma mão aranha gigante irá aparecer, e ela é muito maior do que as mãos aranhas gigantes que já conhece. Acabe com ela e pegue a Pedra de Forja no corpo. Se olhar para o sul, verá que o local de graça está logo adiante.

Base da Forja

Ative o Local de Graça: Base da Forja. Bem, daqui, primeiramente eu recomendo que vá para o leste, seguindo e ignorando os inimigos até o final. Chegará a um monte em que haverá dois trolls arremessando potes mágicos em você. Tente não ser acertado por esses potes enquanto segue a estrada, e encontrará algumas Runas Douradas em corpos pelo caminho. Depois volte e vá para o leste, na direção do monte em que estão os dois trolls. Se quiser se vingar, pode matar os dois trolls, mas haverá outro troll a oeste jogando potes mágicos. Poderá invocar sua cópia aqui, tornando o combate mais fácil. Seja como for, só viemos até aqui para pegar uma Semente Dourada #38 na árvore dourada e Fragmentos de Luz Estelar perto de um astrolábio de pedra no canto noroeste, perto da beira do penhasco. Depois de pegar tudo, desça e siga a estrada para o leste. Vá descendo a estrada, até a parte leste do local, mas descendo a ladeira. Siga, então, para o norte, indo para a ponta norte do local, ainda acompanhando o penhasco à direita e descendo ainda mais. Após passar por um trecho estreito entre duas pedras, haverá diversas mãos aranhas pelo local, inclusive algumas aparecerão de surpresa. Certifique-se de não ficar cercado, volte correndo (ou cavalgando) até estar livre delas e volte matando uma por uma com magia. Mais adiante, haverá uma mão aranha gigante na pedra lá em cima, mas se subir em uma rocha alta na beira do penhasco, conseguirá matá-la com magia sem ser visto. Ao final do caminho, mate mais mãos aranhas e pegue a Bolha de Lágrima Espiral Carmesim no pedestal. Essa bolha converte dano recebido em cura de vida, e é uma das minhas bolhas preferidas. Recomendo que coloque-a no Elixir Magnífico junto da Lágrima Oculta Cerúlea, sendo uma combinação excelente.

Volte para o local de graça Base da Forja. Se seguir a nordeste daqui, acompanhando o penhasco, verá uma corrente que atravessa um desfiladeiro indo na direção sudeste. Essa corrente leva a um chefão, então vamos, primeiramente, nos preparar.

Eu já estou no nível 110 a essa altura do jogo, então recomendo que esteja também. Minha configuração no nível 110 está o seguinte: 40 pontos em Vitalidade, 23 pontos em Mente, 30 pontos em Fortitude, 11 pontos em Força, 12 pontos em Destreza, 55 pontos em Inteligência, 9 pontos em Fé e 9 pontos em Arcano. Estou equipado com a Espada Grande da Lua Sombria +9, o Cajado de Meteorito, o Escudo de Cavaleiro Cariano +23, o Selo da Marca de Garra +21, o conjunto completo de armaduras do Veterano e os talismãs Selo da Ferida de Radagon, Selo da Cicatriz de Marika, Amuleto de Arsenal +1 e Bênção da Térvore +1. Com isso, ficarei com: 45 pontos em Vitalidade, 26 pontos em Mente, 35 pontos em Fortitude, 16 pontos em Força, 17 pontos em Destreza, 58 pontos em Inteligência, 12 pontos em Fé e 12 pontos em Arcano. Mas, para essa batalha, como precisaremos ser resistentes a fogo, aconselho a equipar o talismã Draco de Fogo +2 para aumentarmos nossa proteção contra fogo no lugar do Talismã da Térvore +1.

Quando estiver preparado, volte para a corrente e atravesse-a. Siga em frente e já verá um sinal de invocação de Alexander, o Jarro Guerreiro, invoque-o e siga ao sul para encararmos nosso novo chefe.

Gigante de Fogo

Irá enfrentar o temível Gigante de Fogo. Comece a batalha invocando a sua cópia. Mesmo com duas invocações, essa batalha será épica e bem complicada. Não poderá usar o Torrente (por causa das invocações), então chegar até ele já será seu primeiro desafio. Nessa fase inicial, ele se foca em bater com o escudo e tentar pisar em quem chegar perto. Ele também tem um golpe em que joga um monte de neve em você, então esteja pronto para se esquivar enquanto vai calmamente até o chefe. É nessas horas que 40 pontos em Vitalidade e armadura boa fazem toda a diferença, pois a maioria dos golpes dele podem te matar logo de cara se não estiver preparado. Mesmo nesse nível, perderá mais da metade da vida a cada golpe que ele der, se conseguir acertar. A melhor coisa a fazer é manter o escudo erguido, e ir andando para trás, na esperança de pelo menos defender o golpe. Para atacar, recomendo que use feitiços. Use feitiços rápidos que não demoram para ser lançados, e mire no ponto fraco dele: o seu peito. Para conseguir atingir o peito dele, terá de ficar meio que perto dele, mas tente ficar do lado dele ou atrás. O melhor momento de ataque é quando ele estiver parado tentando lançar fogo em alguma das invocações. Solte feitiços nele e mantenha a média distância, sempre tomando cuidado com todos os seus ataques, principalmente quando ele rola.

Após tirar metade da vida dele, ele perderá a perna e assistirá a uma cena. Agora o Gigante de Fogo estará muito mais forte e perigoso. Ele costuma soltar fogo por todos os lados, então atacá-lo de perto e de frente está fora de cogitação. Você precisa aguardar brechas específicas para conseguir chegar perto o bastante. Ele costuma rolar, e ficar um bom tempo parado soltando fogo ao redor. Esse fogo é mortal, e alcança uma baita área, principalmente o golpe em que ele parece um vulcão expelindo pedras de lava para tudo quanto é lado. Tenha paciência, espere pacientemente ele se focar nas invocações e lance feitiços no peito dele. O peito dele, onde agora estará um olho aberto, ainda é seu alvo principal, e agora estará ainda mais fraco contra magia. Tome cuidado com seus golpes e mantenha-se firme. Talvez sua cópia não resista até o final da batalha, mas o Alexander é duro na queda e poderá te ajudar bastante. Deixe que ele encare o chefe enquanto mantém o suporte de dano em cada brecha que aparecer. Após algumas tentativas, deverá conseguir derrotá-lo. Eu já estava acima do nível 110 quando consegui. Se você quiser um método bem mais simples de matar o Gigante de Fogo, saiba que existe um truque que não envolve combate, apenas enganá-lo a se matar com queda. É um método bem específico que exige o uso do Torrente, ou seja, nada de invocações, e que funciona até hoje. Se quiser usar o truque, assista o vídeo abaixo e faça igual:

Seja como for, ao derrotá-lo, receberá a Lembrança: Gigante de Fogo e irá liberar um troféu:

Gigante de Fogo

Esse troféu será liberado quando derrotar o Gigante de Fogo.

Agora ative o Local de Graça: Gigante de Fogo. Suba a colina a nordeste até o topo, e atravesse a corrente. Chegará no topo da Forja dos Gigantes. Siga para a esquerda, dando a volte no local em sentido horário, e chegará a um local de graça.

Forja dos Gigantes

Ative o Local de Graça: Forja dos Gigantes. Poderá conversar com a Melina aqui, mas não converse! Isso irá dar um andamento na história principal que não queremos dar no momento.

Volte para a Mesa Redonda, e fale com a Leitora de Dedos Enia. Com a Lembrança do Gigante de Fogo, poderá adquirir a Arma: Trança Ruiva do Gigante ou o Encantamento: Queime, Ó Chama!. Troque pelo que quiser, e se quiser os dois, duplique essa lembrança, mas eu não recomendo.

Antes de encerrarmos essa parte do detonado, aconselho a voltarmos para áreas já visitadas e enfrentarmos inimigos ignorados anteriormente, agora que estamos mais fortes. Volte para o local de graça Altar Sul, que fica no canto sudoeste de Liurnia dos Lagos. Daqui, cavalgue para o norte, acompanhando a beira oeste do penhasco, até voltar ao Cárcere Perpétuo da Lâmina Longa, já visitado anteriormente mas ignorado. Pois bem, chegou a hora de encarar o desafio.

O inimigo da vez será o Alecto, Líder das Facas Negras. Esse inimigo será o mais complicado desse estilo de assassinos das facas negras. Ele é muito rápido e forte, seus ataques causam muito dano e ainda causam sangramento. Não poder usar o Torrente ou sua cópia apenas torna tudo pior. Minha recomendação é andar para trás com o escudo erguido o tempo todo. Assim, seus golpes comuns de faca nada poderão fazer contra você. Só precisará temer dois de seus golpes: o agarrão e o de pulo. Se ficar sempre andando para trás e em círculos, não precisará temer o agarrão. Mas o de pulo é impressionantemente forte, pois ele fura seu escudo e causa um fortíssimo sangramento. Precisará evitar esse golpe especial dele de pulo a todo custo, e a única forma é esquivar no momento exato. Isso exige prática, mas com o tempo se pega o jeito. Para atacar, aconselho a usar feitiços rápidos, não necessariamente de perseguição. Será uma batalha de persistência, não pode ter pressa. Lance feitiços nele quando ele estiver imóvel, como quando ele acabou de usar um de seus golpes especiais. Se ele ficar longe de você por algum motivo, usar feitiços de perseguição pode ser uma boa ideia. Como eu disse, é só uma questão de paciência. Eu pessoalmente o considero bem difícil de enfrentar, por isso recomendei aguardar até ficar mais forte. Se precisar de mais informações, assista o vídeo abaixo:

Quando finalmente derrotá-lo, conseguirá a Invocação: Pequena Faca Negra. Essa invocação é uma das mais poderosas do jogo, extremamente eficaz em diversos momentos e capaz de matar alguns chefes sozinha se for fortalecida ao máximo. Recomendo que evolua essa invocação ao nível +10, pois ela pode ser extremamente útil. Recomendo que a use contra alguns inimigos, ao invés da sua cópia, e veja com qual dos dois se sai melhor. Ela é forte demais, tenha certeza disso.

Há mais um desafio. Volte para o local de graça Poço do Fundo do Siofra. Esse local de graça fica em Caelid e ele foi descoberto tempos atrás, quando ainda estávamos explorando o Rio Siofra. Estará em uma ravina no ponto mais baixo do local, lá na parte norte de Caelid. Recomendo que mude sua configuração para 12 frascos curativos de vida e só 2 de mana. Entenderá o porquê mais adiante. Siga a ravina para oeste e passe pelas pilhas de pedra, tomando cuidado que elas explodem quando chega perto. Continue pela ravina, e logo verá um golem arqueiro lá ao longe, mirando uma flecha mágica em você. O que você precisa fazer é se esconder atrás das pedras até ele disparar (e errar) a flecha, então cavalgar rapidamente até os pés do golem. Se ele preparar outra flecha, se esconda atrás de alguma pedra novamente, seja paciente. Quando conseguir chegar aos pés do golem, desmonte do cavalo e fique só batendo com a sua espada nos calcanhares dele. Segure a espada com ambas as mãos para ter mais força e causar mais dano. Ele não conseguirá soltar flechas em você, e poderá usar apenas pisadas e uma cuspida de fogo, ataques muito fáceis de se evitar. Ao matá-lo, pegue o Escudo: Escudo de Paliçada com Espinhos onde ele estava. Não comemore ainda, tem outro golem arqueiro mirando em você lá na frente! Repita o mesmo procedimento para chegar até ele e depois acabar com ele. Após destruir os dois golems arqueiros, vá até a parte ao norte do local, e fale com o imenso Jarro Vivo. Ele não irá dizer nada, mas irá colocar três sinais de invocação vermelhos na sua frente.

Esses três sinais vermelhos são os duelistas da arena que terá de enfrentar. Cada um deles é um Cavaleiro do Grande Jarro. Cada um deles não será tão difícil, o problema é que terá de derrotar os três sem morrer. Se morrer entre um e outro, terá de voltar aqui e vencer outros três desde o começo. Isso torna este desafio muito, mas muito difícil, por isso eu deixei de lado e só recomendei que voltasse aqui agora que está pelo menos no nível 110 e com os frascos curativos no máximo. Precisaremos de resistência para durar três batalhas seguidas, por isso recomendei que viesse com 12 frascos curativos de vida. Quanto à batalha em si, não há muito o que dizer. Os oponentes sempre variam, cada vez que morre. Eles podem usar armas grandes, armas rápidas, feitiços ou encantamentos. Para tentar prever o que cada um pode fazer, veja a imagem dele no sinal de invocação. Dá para ter uma boa ideia assim, pelo que ele está usando, principalmente a arma. A tática pode variar de inimigo para inimigo, mas eu aconselho a usar a explosão do luar da sua Espada Grande da Lua Sombria +9. Assim que convocar o duelista, antes de ele aparecer, já carregue a espada com gelo, e já comece a batalha usando golpes rápidos e Explosão de Luar. Nem compensa usar feitiços, mesmo de perseguição, pois a maioria dos duelistas possui bastante vida e resistência mágica. É melhor a explosão de luar mesmo, sempre que houver uma brecha, seguido de golpes rápidos. Você precisa ser rápido e acabar com cada um bem rápido. Ao acabar com o primeiro, cura-se e repita até acabar com os outros dois. Quando conseguir derrotar os três duelistas, fale com o Jarro Vivo e ele te recompensará com o Talismã: Arsenal do Grande Jarro. Esse talismã aumenta o peso total de equipamento que consegue suportar, e ele é mais eficiente do que o seu Amuleto do Arsenal +1, então troque por esse novo talismã.

E esse é um bom momento para darmos uma pausa nessa parte do nosso detonado, evitando que fique um texto muito comprido! Na próxima parte do detonado, iremos explorar o Campo de Neve Consagrado! Não pode deixar de conferir!

E aí, está gostando do nosso detonado completo passo-a-passo até aqui? Curta e comente o que achou! A parte 15 do detonado já foi publicada, confira!

Confira também nossos outros detonados.

Clássico do PS1 com troféus A principais notícias do dia 15 de maio