REVIEW | Power Stone 2

REVIEW | Power Stone 2

Poucos consoles são tão amados como o Dreamcast, alias a SEGA foi mestre em produzir consoles amados, porém complicados de vender. O Dreamcast, apesar de ter uma morte prematura, é um console cheio de jogos incríveis e lembrados até hoje.

Power Stone 2 é o game da vez. O game é um ótimo multiplayer off line, e se você ainda não o conhece, chegou a hora de conhecer, ou apenas lembrar de mais esse grande game do saudoso Dreamcast.

Enredo Básico, diversão garantida.

Power Stone 2 tem um enredo bem simples, sem qualquer pretensão de manter você amarrado na historia. O game começa quando alguns heróis que partem em busca das pedras preciosas, as “Power Stones” para conquistar o seu sonho. Para tanto temos disponíveis oito heróis para o jogador, cada um com suas habilidades e características próprias: Falcon, Ayame, Wang-Tang, Gunrock, Jack, Galuda, Rouge e Ryoma.

Sim, a historia é bem simples, mas a diversão, essa é massiva. Um dos grandes diferenciais do Dreamcast, é compartilhar a placa arcade da SEGA Naomi, uma das mais famosas da empresa. A Naomi é responsável por grandes games arcades da SEGA, e foi a esperança de que o Dreamcast reergueria a empresa.

Power Stone 2 - gráficos cheios de vida e cores vibrantes.
Power Stone 2 – gráficos cheios de vida e cores vibrantes.

Com isso, Power Stone 2 se tornou um game, que apesar de um multiplayer para até 4 jogadores off line, tinha belos gráficos, com muitas cores e itens na tela, além de ser rápido e dinâmico. O game ficou tão bom, que até contrasta, tanta diversão, com gráficos mais sóbrios e cheios de realidade.


Diversão garantida

Sozinho, ou junto de seus amigos, você vai encarar a aventura em Power Stone 2 em 5 fases diferentes desde o início, com 3 fases com chefe desbloqueáveis. Uma das coisas legais que o game melhorou, foi a interação com o ambiente. Todos os ambientes estão em evolução conforme você avança no jogo. Você vai perceber muitas interações no fundo das paisagens, o que torna o game bastante imersivo.

Como não poderia deixar de ser diferente, também podemos usar o VMU do Dreamcast no jogo. Usado como um mini book, você vai poder usar o VMU para inspecionar o inventário de itens do jogador ou trocar itens com outro jogador. Ademais, um jogador pode registrar até cinco itens em seu inventário como “Itens úteis”. Eles podem então aparecer para o jogador no modo Original, oferecendo uma vantagem tática, por exemplo.

Por fim, você tem uma gama bem diversa de itens no jogo, mas muitos deles só podem ser usados ou até mesmo desbloqueados, conforma você avança no modo Adventure do game. Já outros, podem ser criados no menu que se dedica exatamente a essa função.

Você vai poder criar itens de cura, defensivos e ofensivos como: espadas, martelos e bombas, por exemplo. Já os itens defensivos vão de comidas, até itens de invisibilidade, cabe a você definir sua melhor estratégia.


Power Stone 2 Vale a Pena?

Se você foi dono de um Dreamcast, com certeza deve conhecer o game e sabe o quanto ele é divertido. Pessoalmente aluguei o game algumas vezes e lembro de ter me divertido muito. Hoje, se você pode ter acesso a um Dramcast, com certeza eu recomento o jogo.

Mesmo sendo um game extremamente datado, Power Stone 2 consegue ser um game muito divertido ainda hoje. Se você pode emular, ou jogar diretamente no console, não perca tempo, e se você tem acesso a 4 controles…. pare de ler agora, chame amigos, sobrinhos e primos e vá buscar as Powers Stones já.

Review

Jogabilidade
5 / 10
5%
Gráficos
5 / 10
5%
Som
5 / 10
5%
Diversão
8 / 10
8%
Nota Final
6 / 10
6%
Marcelo Souza

Marcelo Souza

Apaixonado por jogos e consoles desde 1990. Quando não esta escrevendo em algum site de games, esta jogando ou ensinando o Felipe a jogar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *