Continua após a publicidade..
Continua após a publicidade..
DestaqueNotíciasReview

Brothers: A Tale of Two Sons Remake | REVIEW

Uma emocionante aventura, ainda mais bela

Continua após a publicidade..

Hora de revisitar um game emocionante, Brothers: A Tale of Two Sons Remake trará de volta a emocionante aventura de dois irmãos. O jogo foi totalmente refeito para a atual geração de consoles, com gráficos aprimorados, sons remasterizados e melhorias na jogabilidade. Confira abaixo todos os detalhes do jogo.

  • Desenvolvedora: Avantgarden
  • Publicadora: 505 Games
  • Lançamento: 28 de fevereiro de 2024
  • Número de Jogadores: 1 / 2
  • Gênero: Aventura
  • Plataformas: PS5, XSSX, PC
  • Site OficialAqui

Caso não tenha titulo a oportunidade de conhecer o jogo anteriormente, o título foi lançado originalmente em 2013 para Xbox 360 e PlayStation 3. Ainda que o jogo não tenha sido um sucesso absoluto, conseguiu alcançar muitos jogadores. Com sua proposta de oferecer uma narrativa emocionante e uma jogabilidade cooperativa, ainda que o jogador esteja em um single player, Brothers: A Tale of Two Sons é lembrado como um dos jogos mais emocionantes daquela geração.

No jogo, viveremos a emocionante e dolorosa aventura de dois jovens irmãos, que após a trágica morte de sua mão em um acidente de barco durante uma tempestade, se veem diante de uma grave doença de seu pai. Após o diagnóstico de que o homem não está nada bem, um curandeiro relata uma árvore mágica onde há a água da vida, que pode salvar o homem da morte. Diante disso, os irmãos partem para buscar essa água desesperadamente, e até encontrar a tal água, viveremos aventuras, ajudaremos pessoas e conheceremos o valor do amor e coragem.

Procurando um detonado do jogo ou a lista de troféus? Confira tudo AQUI

Brothers: A Tale of Two Sons Remake

Preservando a emoção

Logo nos primeiros minutos de jogo, percebemos que ainda que o jogo esteja com novos gráficos e uma qualidade sonora mais aprimorada, os elementos mais importantes foram preservados. A desenvolvedora Avantgarden que ficou responsável pelo jogo, preservou todos os elementos da história, bem como eles acontecem no jogo original. Todos os acontecimentos foram preservados, de modo que a cooperação entre os irmãos também se manteve a mesa.

Interessante, que assim como no jogo original, os momentos onde lidamos um acontecimentos mais obscuros, além de preservados, eles ganharam uma densidade maior, proporcionando momentos que nos lembram filmes infantis com elementos de terror, como os clássicos da Disney. O jogo, em sua maior parte, se passa em áreas externas, e cada uma delas foi revigorada, apresentando belas paisagens com uma riqueza de detalhes muito maior do que vimos no jogo original. O jogo ganhou um modo qualidade, que pode ser ajustado nas configurações do jogo, diante das melhorias aplicadas no jogo, essa mudança é tênue, mas melhora ainda mais o jogo.

As paisagens que trazem lagos ou cachoeiras, são as que mais se destacam, pois o tratamento dado a água foi realmente um divisor nos gráficos do jogo. Outro trabalho que ficou muito agradável foram as cenas entre os acontecimentos mais importantes do jogo. As cenas ganharam um tratamento digno de um remake, fazendo o jogo ficar com design muito mais moderno e introduz uma imersão totalmente nova. Apesar de todas essa melhorias, confesso que esperava algumas mudanças gráficas, no sentido de introduzir novos elementos ao jogo, visando criar momentos inéditos. Ainda que tudo esteja muito bem feito, senti que em algum momento estaria diante de um cenário novo ou uma cena inédita, mas isso não acontece.

Ademais, os gráficos sofrem com uma considerável queda de FPS em alguns momentos, nada que se estenda por um longo tempo, mas são quedas evidentes, principalmente nas transições entre as cenas do jogo e até mesmo nas cenas, propriamente ditas. Vale ressaltar que os controles ainda que melhorados, continuam os mesmos, com os direcionais sendo usados para controlar os irmãos, bem como os controles superiores fazendo as ações e movimentando as câmeras.

Brothers: A Tale of Two Sons Remake

Quando falamos da parte sonora, temos mais elogios a fazer. A música está ainda mais emocionante, com elementos mais contundentes, nos fazendo lembrar de filmes de fantasia. Além disso, conforme os gráficos e as músicas ganharam mais qualidade, conseguimos evidenciar elementos da cultura onde o jogo se inspirou. Conforme as criaturas do jogo ganharam mais vida, os elementos da cultura Europeia, principalmente escandinava, ficaram mais evidentes.

A jogabilidade também está mais suave, sendo mais intuitivo guiar os irmãos ao mesmo tempo, mesmo que algumas melhorias pudessem ter sido feitas. Em determinados momentos, não podemos alternar a posição dos irmãos, sendo que, eles devem estar cada um do lado respectivo ao botão da sua ação. No começo isso ajuda você a compreender como agir, mas depois que você já sabe como prosseguir, acaba atrapalhando. Um modo automático de câmera também seria bem-vindo, principalmente quendo você precisa de um pouco de agilidade nas movimentações.

O jogo, ainda que curto, é cheio de puzzle e todos eles envolvem os irmãos, a percepção de cada um desses puzzles é bastante intuitiva. Entretanto, alguns deles podem ser um pouco mais demorado de se entender, nada que atrapalhe a diversão, conforme avançamos no jogo, tudo vai ficando menos complicado e mais emocionante.

Brothers: A Tale of Two Sons Remake

Brothers: A Tale of Two Sons Remake — Vale a pena?

Alguns remakes tendem a tentar renovar toda experiência do jogo, não é o caso em Brothers: A Tale of Two Sons Remake, e a desenvolvedora acertou em manter quase tudo no jogo como no original, preservando toda a emoção do jogo, e os momentos mais sombrios, ganharam uma profundidade ainda maior, bem como os momentos de maior emoção. As melhorias gráficas são evidentes e colocam o jogo no mesmo patamar de jogos indies que são lançados atualmente.

A remasterização trouxe gráficos cheios de detalhes e com cores mais intensas, ainda que tenhamos alguma queda de qualidade em alguns momentos do jogo, o modo qualidade só melhorou o jogo. Mesmo que você passe por algum problema técnico no jogo, a diversão e principalmente a emoção está preservada. Os momentos marcantes do jogo emocionam como sempre, e são o ponto forte.

Brothers: A Tale of Two Sons Remake foi avaliado mediante uma cópia gentilmente cedida pela 505 Games – Agradecemos a cordialidade!

Brothers: A Tale of Two Sons Remake

Gráficos - 7.5
Jogabilidade - 7
Diversão - 7.5
Som - 8
Dificuldade - 7
Fator Replay - 7

7.3

Bom

Brothers: A Tale of Two Sons Remake permanece uma experiência emocionante e cheia de emoção. O Remake trouxe uma bela melhoria gráfica, sem alterar o que há de melhor no jogo, sua emoção e puzzles inteligentes.

Site Oficial
User Rating: Be the first one !

Marcelo Souza

Apaixonado por jogos e consoles desde 1990. Quando não esta escrevendo em algum site de games, esta jogando ou ensinando o Felipe a jogar.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial